×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 27 de novembro de 2021

Unicef alerta que futuro de bilhões de crianças depende da COP26

Unicef alerta que futuro de bilhões de crianças depende da COP26Foto: Emmanuel Rouy/Lycée Français

Estudantes do Liceu Francês, em Nova Iorque, fazem um protesto contra a mudança climática.

Agência Onu News De Noticias - 02/11/2021 - 08:22:22

Pelo menos 1 bilhão de menores de idade vivem em um dos 33 países com risco climático extremamente alto; para chefe da agência, líderes mundiais em Glasgow têm oportunidade urgente de reconduzir o caminho em que nos encontramos.

Para a diretora-executiva do Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef, a “COP26 deve ser a COP das crianças”. A mensagem de Henrietta Fore é para os líderes mundiais que estão reunidos em Glasgow, na Escócia, até 12 de novembro, na Conferência da ONU sobre Mudança Climática, COP26.

A chefe do Unicef lembra que 1 bilhão de crianças correm um risco extremamente alto de sofrer com os impactos da mudança climática, pois vivem em uma das 33 nações mais ameaçadas pelo problema.

Futuro sem emissões

1 milhão de árvores foram  replantadas em projeto de reflorestação na RD Congo.

Foto: CIFOR/Axel Fassio

1 milhão de árvores foram replantadas em projeto de reflorestação na RD Congo.

Fore declarou que os líderes mundiais que estão na COP26 “tem uma oportunidade importante e urgente de reconduzir o terrível caminho em que nos encontramos”. Ela pediu uma redução rápida e significativa das emissões de gases de efeito estufa, já que o futuro de bilhões de crianças depende disso.

O Unicef apresenta dados sobre como a mudança climática está impactando a vida das crianças: praticamente todos os menores estão expostos a pelo menos um perigo ambiental, como ondas de calor, ciclones, poluição do ar, enchentes e escassez de água.

Choques climáticos

A perda das camadas de gelo acelera o aquecimento global.

Foto: © NASA/Kathryn Hansen

A perda das camadas de gelo acelera o aquecimento global.

O mundo tem ainda 850 milhões de crianças que vivem em áreas onde pelo menos quatro choques climáticos se sobrepõe. A agência lembra que melhorar a resiliência de serviços essenciais é o melhor investimento para reduzir riscos.

O Unicef apresenta algumas propostas, como aumentar o acesso a serviços de água, saneamento e higiene, o que pode reduzir os riscos para 415 milhões de crianças.

Crianças em 2050

Adolescentes limpam praias no Equador.

Foto: © UNICEF/Johanna Alarcón

Adolescentes limpam praias no Equador.

A agência ressalta que ação na COP26 é algo imperativo e por isso faz um apelo aos países desenvolvidos, para que cumpram com a promessa e repassem US$ 100 bilhões por ano para o financiamento climático.

Segundo o Unicef, sem fortes investimentos em adaptação climática e resiliência de serviços básicos, 4,2 bilhões de crianças que deverão nascer nos próximos 30 anos enfrentarão riscos muito maiores de sobrevivência e de bem-estar.

A agência lembra que as vozes das crianças e dos jovens precisam ser ouvidas e levadas em conta nas negociações formais da COP26.

Comentários para "Unicef alerta que futuro de bilhões de crianças depende da COP26":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Nova pesquisa constata: Situação das crianças do Líbano piora de forma dramática, revela Unicef

Nova pesquisa constata: Situação das crianças do Líbano piora de forma dramática, revela Unicef

Médica do Unicef trata crianças no Líbano.

Laureados com o Tang Prize buscam justiça ambiental e judicial por meio de litígios de interesse público

Laureados com o Tang Prize buscam justiça ambiental e judicial por meio de litígios de interesse público

A Tang Prize Foundation convida todos a visitar nosso canal oficial no YouTube para assistir a essas palestras e aprender sobre algumas das questões mais urgentes.

Assembleia Geral adota plano global contra tráfico de pessoas

Assembleia Geral adota plano global contra tráfico de pessoas

Assembleia Geral da ONU adotou nesta segunda-feira uma declaração política que reúne ações para combater o tráfico de pessoas

Falta de saneamento básico mata 700 crianças abaixo de cinco anos por dia

Falta de saneamento básico mata 700 crianças abaixo de cinco anos por dia

Mais de 3,6 bilhões de pessoas vivem sem saneamento básico, o que representa quase 50% da população global

MPDFT lança cartilha que esclarece sobre crimes de racismo e injúria racial

MPDFT lança cartilha que esclarece sobre crimes de racismo e injúria racial

No Dia da Consciência Negra, o Ministério Público do DF e Territórios lança a cartilha “Você foi vítima de um crime racial? Conheça seus direitos” em conjunto com uma campanha que será iniciada amanhã nas redes sociais.

Parlamentares entregam carta a embaixador de El Salvador para pedir liberdade de Vanda Pignato

Parlamentares entregam carta a embaixador de El Salvador para pedir liberdade de Vanda Pignato

Brasileira, a ex-primeira-dama de El Salvador, Vanda Pignato, está há mais de três anos cumprindo prisão domiciliar no país da América Central

Distritais aprovam projeto de lei que institui Política pela Primeira Infância

Distritais aprovam projeto de lei que institui Política pela Primeira Infância

A primeira infância compreende o período da gestação até os primeiros 6 (seis) anos de idade das crianças.

Mais um muro no Texas, desta vez contra pessoas trans no esporte

Mais um muro no Texas, desta vez contra pessoas trans no esporte

Lei texana impede transgêneros de competir junto a times e equipes correspondentes à sua identidade de gênero

Promotor do TPI abre investigação sobre crimes contra a humanidade na Venezuela

Promotor do TPI abre investigação sobre crimes contra a humanidade na Venezuela

Sede do Tribunal Penal Internacional, TPI, em Haia.

Em vídeo, homem desesperado implora por comida no DF:

Em vídeo, homem desesperado implora por comida no DF: "É fome, por favor, é fome!"

Homem desesperado implora por comida em estacionamento de prédio no Distrito Federal

FAO pede liderança firme para erradicar trabalho infantil na agricultura

FAO pede liderança firme para erradicar trabalho infantil na agricultura

Menino trabalha em Catmandu, no Nepal.