×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 19 de outubro de 2021

Urgência na suspensão. Supremo suspende despejo de comunidade indígena no Paraná

Urgência na suspensão. Supremo suspende despejo de comunidade indígena no ParanáFoto: Cimi Sul

Liminar a favor da Itaipu Binacional previa o dia 1º de junho como prazo para desocupação.

Por Júlio Carignano Porém.net - Curitiba (pr) - 03/06/2019 - 16:41:52

O ministro Dias Toffoli, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), suspendeu na sexta-feira (31) a liminar de reintegração de posse, em favor da Itaipu Binacional, de área ocupada por uma comunidade indígena Avá-Guarani em Itaipulândia, no Oeste do Paraná. Em abril uma decisão do TRF4 determinou que os indígenas teriam que sair da área até o dia 1º de junho.

Com a possibilidade do despejo eminente do grupo – formado por 15 famílias, um total de 79 pessoas, entre elas 13 crianças e sete idosos – a procuradora-geral da República Raquel Dodge, requereu à presidência do STF a urgência na suspensão da reintegração de posse. Em sua manifestação, a procuradora destacou o contexto da ocupação do Tekoha Yva Renda e outras áreas, além de relembrar o histórico de graves violações de direitos dos povos indígenas no Oeste do Paraná.

Ademais, Dodge aponta a lentidão no processo de demarcação da terra indígena pela Fundação Nacional do Índio (Funai), pleiteada pela etnia Avá-Guarani desde 2009. A área é reivindicada pela etnia como terra de ocupação tradicional.

Na região dos municípios de Itaipulândia e Santa Helena, cinco áreas ocupadas pelos indígenas correm risco de sofrer reintegrações de posse movidas pela Itaipu Binacional. São comunidades oriundas, em parte, das reservas compradas pela Itaipu como mitigação pela construção da usina, que desalojou e inundou dezenas de aldeias Guarani, no final da década de 1970 e início de 80.

A Itaipi alega que o Tekoha Yva Renda foi formado em uma reserva biológica de proteção permanente. Já em sua manifestação, a procuradora Raquel Dodge argumenta que “há perfeita compatibilidade entre meio ambiente e terras indígenas, ainda que estas envolvam áreas de conservação’ e preservação”.

No caso do despejo contra o tekoha Yva Renda há uma peculiaridade: a Justiça Federal de Foz do Iguaçu , diferente dos outros casos, realizou uma audiência de conciliação e a Fundação Nacional do Índio (Funai) propôs levar os indígenas para uma outra área, também da Itaipu Binacional. O juiz Rony Ferreira não aceitou e bateu o martelo pela reintegração.

“O que a Itaipu não diz é que antes (do decreto da ditadura militar) era nossa casa, era nosso tekoha. Saímos porque fizeram a usina. Nos expulsaram e mandaram para reservas compradas (Ocoy, Itamarã e Añetete), que ficaram pequenas mesmo para o jeito do Guarani viver”, diz o cacique Oscar Benites Lopes.

Edição: Laís Melo

Comentários para "Urgência na suspensão. Supremo suspende despejo de comunidade indígena no Paraná":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Galeria dos Estados receberá Feira aos domingos

Galeria dos Estados receberá Feira aos domingos

Espaço vai oferecer arte, cultura, turismo e economia criativa para a população do Distrito Federal

Bicicletas compartilhadas têm boa aceitação do público nos primeiros dias

Bicicletas compartilhadas têm boa aceitação do público nos primeiros dias

Para retirar a bicicleta da estação, basta escolher o tipo de corrida no aplicativo, pagar pelo celular e liberar a bike apontando o celular para o QR Code próximo ao guidão|

Final de semana com muitas opções culturais no DF

Final de semana com muitas opções culturais no DF

Exposições, espetáculos teatrais e musicais estão entre as atrações para este sábado e domingo

Concurso vai escolher melhores trabalhos de artesanato

Concurso vai escolher melhores trabalhos de artesanato

Inscrições podem ser feitas até o dia 24 de outubro; premiados serão selecionados por votação popular

Redobre os cuidados ao dirigir no período das chuvas

Redobre os cuidados ao dirigir no período das chuvas

Temporada chuvosa requer atenção ampliada no trânsito |

Dia da Padroeira do Brasil é comemorado com missas em Brasília

Dia da Padroeira do Brasil é comemorado com missas em Brasília

Os atos religiosos serão celebrados no Distrito Federal

Brasília inaugura sistema de bicicletas compartilhadas

Brasília inaugura sistema de bicicletas compartilhadas

Lançamento ocorreu na Estação 18, na entrada do Parque da Cidade

Diversão ao ar livre e em espaços turísticos do DF

Diversão ao ar livre e em espaços turísticos do DF

Público infantil poderá contar com diversidade de opções neste feriado, respeitando as medidas de prevenção à covid-19

Segurança reforçada para os jogos universitários no Distrito Federal

Segurança reforçada para os jogos universitários no Distrito Federal

A PMDF atuará por meio de policiamento ostensivo em todas as regiões, mas poderá acionar unidades especializadas, caso necessário

O que abre e fecha no feriado de 12 de outubro no DF

O que abre e fecha no feriado de 12 de outubro no DF

Zoológico funcionará normalmente, com restrição de público de 2,5 mil pessoas devido à pandemia da covid-19

Aproveite as feiras rurais no DF neste mês de outubro

Aproveite as feiras rurais no DF neste mês de outubro

Nas feiras é possível adquirir o alimento direto do produtor com qualidade, variedade e melhor preço