×
ContextoExato
ColunistasFoto:

E onde está a Justiça?

Metade da população do País vive com apenas um salário mínimo. Menos de mil reais por mês para pagar as contas, se alimentar, cuidar da saúde e comprar medicamentos, quando necessário, e ainda sobrar para outros itens básicos de sobrevivência. Saúde? Um sistema público cada vez mais precário e o conforto de plano de saúde particular algo muito, muito distante. Aposentadoria? Para poucos e, sabe-se lá, se um dia será possível aposentar mesmo depois de contribuir por anos com a Previdência.

E onde está a Justiça? Para aqueles que dizem que essa é só para os ricos, a Defensoria Pública mostra que esse quadro vem mudando a cada ano. Garantida na Constituição Federal, no rol “das funções essenciais à Justiça”, cabe aos defensores públicos prestarem assistência jurídica – integral e gratuita – aos que comprovarem insuficiência de recursos. Em outras palavras: qualquer cidadão que se encontre em situação de vulnerabilidade pode recorrer à Defensoria Pública, instrumento do regime democrático e que tem um importante papel de promover o acesso à igualdade. ...Leia mais