×
ContextoExato
Responsive image

Animais abandonados aguardam sua solidariedade e o aconchego de uma família

Animais abandonados aguardam sua solidariedade e o aconchego de uma famíliaFoto: Pixabay

Número de animais abandonados aumentou com pandemia

Secretaria De Comunicação Do Mpdft - 18/07/2020 - 08:35:49

Com a mudança na rotina e o estresse gerado desde o início da pandemia de Covid-19, algumas famílias decidiram não manter mais seus animais. Por essa razão, no vídeo “MP Solidário: Impacto da pandemia no abandono de animais”, a Promotoria de Justiça de Defesa do Meio Ambiente (Prodema) faz um alerta para aumento do número de casos de abandono e as responsabilidades de cuidar de um animal.

Para a promotora de Justiça do Meio Ambiente Luciana Bertini, uma das preocupações do Ministério Público é a situação de abandono desses animais, que vão para as ruas e ficam sem alimentação e sujeitos a zoonoses. “É importante que aquelas famílias que já têm experiência com guarda responsável se sensibilizarem agora com esses animais que precisam de cuidados”, afirma.

Uma dessas pessoas solidárias foi a comerciante Andréia Tomé. Ela optou pela adoção de um cachorro para sua filha, que está com as aulas paralisadas por conta da pandemia. Para elas, além de o momento proporcionar mais tempo para se conhecer, a adoção foi uma oportunidade de ajudar um animal que estava sem um lar e alegrar a rotina da criança.

A promotora de Justiça destaca que animais exóticos e silvestres não são pets. “Eles não são animais de companhia. Apenas cães e gatos são”, enfatiza.

MP Solidário

O projeto busca informar a sociedade sobre seus direitos nas diversas áreas de atuação do MPDFT para fortalecer a cidadania e prevenir a violência. As iniciativas estão voltadas para a gestão positiva dos conflitos e foram idealizadas para atender o atual contexto de pandemia, mas continuarão após o fim da situação de emergência.

Comentários para "Animais abandonados aguardam sua solidariedade e o aconchego de uma família":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório