×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 12 de agosto de 2022

Começa hoje a vai até dia 8 o período de defeso do caranguejo-uçá

Começa hoje a vai até dia 8 o período de defeso do caranguejo-uçá

Foto: © Acervo ICMBio

Captura fica proibida em 11 estados

Por Luciano Nascimento - Repórter Da Agência Brasil - Brasília - 03/01/2022 - 18:24:33

Começa hoje (3) e vai até o dia 8 de janeiro o período de defeso do caranguejo-uçá, popularmente conhecido como andada, com a proibição da pesca de espécie em 11 estados. Durante o defeso, macho e fêmea saem de suas tocas e andam pelo manguezal para o acasalamento e para a liberação dos ovos, garantindo a continuidade da espécie.

A proibição vale para os estados do Amapá, Pará, Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe e Bahia. Nesse período, além da captura, também fica proibido o transporte, o beneficiamento, a industrialização e a comercialização da espécie.

O crustáceo é encontrado ao longo de toda a costa brasileira e tem papel importante para o ecossistema do manguezal, transformando as folhas em material que fornece nutrientes para outros organismos da cadeia alimentar.

A punição para quem não cumprir a lei é de multa que pode chegar a R$ 100 mil, mais R$ 20,00 por quilo de caranguejo-uçá apreendido.

De acordo com Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), as pessoas físicas e empresas que atuam na captura, transporte, beneficiamento, industrialização e comercialização do crustáceo nos estados citados deverão declarar até um dia útil antes de cada período de defeso a relação detalhada dos estoques de animais vivos, congelados, pré-cozidos, cozidos, inteiros ou em partes.

As informações devem ser encaminhadas para as superintendências federais de Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Quando se tratar de Unidade de Conservação Federal, a declaração deverá ser entregue no Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

Defeso

O período de defeso do caranguejo-uçá ( Ucides cordatus ) ocorre em períodos de luas nova e cheia, caracterizados por marés de grande amplitude. Se não houver o defeso as espécies ficam vulneráveis à pesca predatória, reduzindo o número de indivíduos e comprometendo a perpetuação da espécie.

Neste ano, o período de defeso do caranguejo-uçá ocorrerá em quatro datas diferentes nas fases da lua nova e lua cheia. O próximo defeso está ocorrerá de 2 a 7 de fevereiro, quando novamente haverá lua nova. O terceiro período será de 3 a 8 de março, com mais uma lua nova e o último defeso será de 19 a 24 de março, na lua cheia


Comentários para "Começa hoje a vai até dia 8 o período de defeso do caranguejo-uçá":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Últimas Notícias
Casas sustentáveis: Entenda como esse modelo de residência gera economia

Casas sustentáveis: Entenda como esse modelo de residência gera economia

Trabalho remoto é o futuro na área da tecnologia

Trabalho remoto é o futuro na área da tecnologia

Alexandre diz que atos por democracia reforçam 'orgulho do sistema eleitoral'

Alexandre diz que atos por democracia reforçam 'orgulho do sistema eleitoral'

Celso de Mello: Manifesto representa 'severa advertência ao presidente Bolsonaro'

Celso de Mello: Manifesto representa 'severa advertência ao presidente Bolsonaro'

"Carta bate com o que faço aqui", diz professor que levou documento para Londres

Jovens ainda sofrem com recuperação lenta do mercado de trabalho, diz OIT

Jovens ainda sofrem com recuperação lenta do mercado de trabalho, diz OIT

José Carlos Dias destaca união do capital e trabalho e lê carta da Fiesp

José Carlos Dias destaca união do capital e trabalho e lê carta da Fiesp

Ação contra fraude notifica cinco postos de combustível no DF

Ação contra fraude notifica cinco postos de combustível no DF

Saiba o que são e como preparar as PANCs, plantas alimentícias não convencionais

Saiba o que são e como preparar as PANCs, plantas alimentícias não convencionais

Alvaro Vargas Llosa: 'O idiota latino-americano se reinventou'

Alvaro Vargas Llosa: 'O idiota latino-americano se reinventou'

'Os manifestos geram poder para a resistência', afirma Celso Lafer

'Os manifestos geram poder para a resistência', afirma Celso Lafer

No DF, políticos e militantes de esquerda têm sido vítimas de violência nas ruas

No DF, políticos e militantes de esquerda têm sido vítimas de violência nas ruas

DF é condenado a indenizar aluno que sofreu reação alérgica após ingerir alimento

DF é condenado a indenizar aluno que sofreu reação alérgica após ingerir alimento

MPDFT apoia criação de Frente Nacional de Combate a Cartéis

MPDFT apoia criação de Frente Nacional de Combate a Cartéis

Deputados distritais derrubam veto e demitidos da CEB recuperam emprego

Deputados distritais derrubam veto e demitidos da CEB recuperam emprego

Janaina Paschoal diz que Bolsonaro tenta 'destruí-la' e que carta é 'pró-Lula'

Janaina Paschoal diz que Bolsonaro tenta 'destruí-la' e que carta é 'pró-Lula'

Djavan volta com 'uma ode ao amor e à esperança'

Djavan volta com 'uma ode ao amor e à esperança'

BNDES leva a leilão antigo edifício-sede em Brasília

BNDES leva a leilão antigo edifício-sede em Brasília

Lideranças indígenas, testemunhas do crime contra Bruno e Dom, pedem proteção oficial

Lideranças indígenas, testemunhas do crime contra Bruno e Dom, pedem proteção oficial

Marinha suspende exercício em Alcatrazes após protestos de ambientalistas

Marinha suspende exercício em Alcatrazes após protestos de ambientalistas

Guedes minimiza comércio Brasil-França e avisa: 'É melhor nos tratarem bem ou vamos ligar o f***-se'

Guedes minimiza comércio Brasil-França e avisa: 'É melhor nos tratarem bem ou vamos ligar o f***-se'