×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 16 de outubro de 2021

Computação em nuvem se torna crucial para aumento da receita de 87% das empresas

Computação em nuvem se torna crucial para aumento da receita de 87% das empresasFoto:

A adoção da cloud nas empresas, em geral, tem se mostrado item essencial para se manterem no mercado competitivo, a frente da concorrência e com melhor time-to-market, principalmente nos e-commerces, afirma Flavio Freitas de Oliveira Neto, bacharel em Ciência da Computação, com MBA em Inteligência Artificial.

Estadão Conteúdo - 29/09/2021 - 09:46:56

A computação em nuvem passou a ser a tecnologia da 4ª Revolução Industrial que mais deve crescer nos próximos anos, a expectativa é que até 2025 o gasto mundial com soluções em cloud deva chegar a US$ 623 bilhões, segundo relatório The Global Risks Report, do Fórum Econômico Mundial. De acordo com um recente levantamento da consultoria Gartner, é esperado que 85% de todas as empresas do mundo operem dentro da nuvem (até 2025). No Brasil, o cenário é bastante favorável para o setor, e a consultoria estima que os gastos das empresas com a tecnologia devam atingir US$ 3 bilhões até o final de 2021

A adoção da cloud nas empresas, em geral, tem se mostrado item essencial para se manterem no mercado competitivo, a frente da concorrência e com melhor time-to-market, principalmente nos e-commerces, afirma Flavio Freitas de Oliveira Neto, bacharel em Ciência da Computação, com MBA em Inteligência Artificial.


“O uso não só de infraestrutura Service (Iaas), mas também de PaaS (Platform as a Service) vem possibilitando aos engenheiros o desenvolvimento de soluções mais rápida e com serviços robustos de nuvem, sem a necessidade de entender a complexidade de instalar e gerir esses componentes”, explica Flavio, que também é Chief Executive Officer (CTO) em programas de fidelidade do país.



O CTO menciona que os bancos de dados como: serviços, soluções de fila, cache, gateways de API, engines de Inteligência Artificial e machine learning, são exemplos de componentes que hoje podem ser usados em soluções sistêmicas com alto grau de confiabilidade, disponibilizado através de poucos cliques E observa que isso tem aumentado muito o tempo de entrega de soluções, com agilidade nos projetos e menor custo (com pessoas realizando gestão de infraestrutura).



O relatório Future of Cloud Computing, publicado pelo Google, destaca que 77% das empresas acreditam que vão usar a nuvem até 2029 e 87% delas afirmam que essa tecnologia é crucial para o aumento da receita nesse período. Outro estudo recente, realizado pela Statista, uma empresa alemã especializada em dados de mercado e consumidores, projeta que os investimentos em computação em nuvem irão ultrapassar US$ 350 bilhões até 2022, no Brasil a expectativa de crescimento é de 35,5%.



Ainda segundo o executivo de TI, outro ganho importante é a escalabilidade das soluções em nuvem, a qual permite um aumento, repentino, nos volumes e nas vendas, sem a necessidade do gerenciamento do time de infraestrutura. Ele informa que é um item imprescindível na área do comércio eletrônico (e-commerce/marketplaces), que sofre sazonalidade como no Black Friday e no Natal.



“Todas essas vantagens têm permitido às empresas que já se modernizaram e estão surfando essa onda, que lancem e escalem seus produtos e serviços à frente dos concorrentes, aumentando seu market share e faturamento. Tenho mais de 20 anos trabalhando com engenharia e arquitetura de sistemas em grandes empresas, e percebo que a estrutura de nuvem cresce conforme as necessidades dos negócios, quanto mais a empresa evolui mais investe em nuvem”, conclui Flavio Oliveira.


Comentários para "Computação em nuvem se torna crucial para aumento da receita de 87% das empresas":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Ataques hackers movimentam venda de seguros contra risco cibernético

Ataques hackers movimentam venda de seguros contra risco cibernético

Arrecadação do setor cresceu 161% de janeiro a agosto

Manguezal de mais de 120 mil anos descoberto no México

Manguezal de mais de 120 mil anos descoberto no México

Uma equipe de pesquisa mexicana e norte-americana descobriu uma antiga floresta de mangue de mais de 120 mil anos no coração da península de Yucatan, no sudeste do México, comunicou a Universidade de San Diego, nos EUA.

WhatsApp e o Instagram são os aplicativos mais populares no Brasil, diz pesquisa

WhatsApp e o Instagram são os aplicativos mais populares no Brasil, diz pesquisa

Usuários brasileiros entre os maiores dependentes do celular

Economia desiste de aumentar em R$ 650 mi recursos para ciência e tecnologia

Economia desiste de aumentar em R$ 650 mi recursos para ciência e tecnologia

A divisão do dinheiro com outras áreas frustrou pesquisadores que já contavam com o dinheiro em 2021.

'Isso não é verdade': Zuckerberg nega que Facebook priorize lucro sobre segurança dos usuários

'Isso não é verdade': Zuckerberg nega que Facebook priorize lucro sobre segurança dos usuários

Nesta terça-feira (5), Mark Zuckerberg reagiu às recentes declarações de Frances Haugen, a ex-engenheira de dados do Facebook que acusou a empresa perante o Senado dos EUA e exortou os senadores a aumentarem a pressão regulatória contra o gigante informático.

Facebook revela motivo da falha global que derrubou seus serviços

Facebook revela motivo da falha global que derrubou seus serviços

Em comunicado oficial, a empresa afirmou que uma mudança na configuração de roteadores comprometeu o sistema.

Cientistas desenvolvem tecnologia de energia eólica inédita no Brasil

Cientistas desenvolvem tecnologia de energia eólica inédita no Brasil

Grupo da UFSC é pioneiro nesse tipo de estudo na América Latina

ONU defende inclusão digital dos idosos e combate a estereótipos

ONU defende inclusão digital dos idosos e combate a estereótipos

A pandemia ampliou a necessidade de se fechar a divisão digital para as pessoas idosas

Youtube vai bloquear conteúdos antivacinas e negacionistas

Youtube vai bloquear conteúdos antivacinas e negacionistas

Plataforma é propriedade da Google.

Startup oferece vídeos educativos criados por crianças em sala de aula

Startup oferece vídeos educativos criados por crianças em sala de aula

Animações abordam temas relevantes com tradução em libras

Unesco reitera inclusão no Dia Internacional do Acesso Universal à Informação

Unesco reitera inclusão no Dia Internacional do Acesso Universal à Informação

Estudante lê em um tablet em uma escola na Tailândia