×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 05 de dezembro de 2021

Distrito Federal registra em outubro menor índice de homicídios dos últimos 19 anos

Distrito Federal registra em outubro menor índice de homicídios dos últimos 19 anosFoto: MINERVINO JUNIOR/CB/D.A PRESS

Numa análise restrita a feminicídios, no acumulado deste ano, de janeiro a outubro, houve 27 crimes desta natureza contra 25 em 2018, no mesmo período.

Ana Maria Campos -correio Braziliense - 05/11/2019 - 06:37:21

A Secretaria de Segurança Pública do DF comemora bons índices de queda na criminalidade. Pelos dados que serão divulgados oficialmente hoje, o número de vítimas de homicídios no mês passado foi o menor desde o ano 2000. No comparativo com outubro de 2018, a redução foi de 27%, de 48 para 35 casos. O levantamento aponta ainda diminuição de 13,2% neste crime nos 10 meses deste ano em relação a 2018, de 385 para 334 vítimas. O número de vítimas de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs), que reúne homicídio, feminicídio, latrocínio e lesão corporal seguida de morte, foi menor nos 10 primeiros meses deste ano em relação a 2018. No ano passado, houve 417 casos e agora, 359. Uma queda de 13,9%.

Violência dentro de casa


Numa análise restrita a feminicídios, no acumulado deste ano, de janeiro a outubro, houve 27 crimes desta natureza contra 25 em 2018, no mesmo período. Sinal de que a violência contra a mulher é um problema sério. O governo lançou a campanha #MetaaColher. O projeto busca expor o papel de responsabilidade de cada cidadão como engrenagem importante na guerra contra o feminicídio. No último fim de semana, o DF contabilizou mais um caso, com a morte de uma mulher espancada pelo companheiro, em São Sebastião. Segundo a Secretaria de Segurança Pública do DF, estatísticas indicam que, até setembro deste ano, 84% dos crimes de feminicídio no DF ocorreram dentro de casa, em contexto de violência no ambiente familiar.

Projeto Rondon chega ao Entorno

Coordenado pelo Ministério da Defesa, o Projeto Rondon chegará ao Entorno do Distrito Federal a partir desta semana com o nome de “Operação Lobo-Guará”. O acordo de cooperação será assinado nesta quarta-feira com o governador de Goiás, Ronaldo Caiado(DEM), com o apoio do 32º Grupo de Artilharia de Campanha do Exército Brasileiro e contará também com a participação de Instituições de Ensino Superior (IES) do Distrito Federal e dos estados da Bahia, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Tocantins. Cada município receberá por 12 dias 2 IES com 10 integrantes cada um, sendo dois professores e oito alunos por equipe, que trabalharão com oficinas de diferentes áreas do conhecimento, divididas por cultura; direitos humanos e justiça; educação e saúde; e comunicação, tecnologia e produção, meio ambiente e trabalho.

DF não será beneficiado

Desde 2005, o Projeto Rondon realizou 84 operações, em 1.237 municípios de 24 unidades da Federação, com a participação de 2.355 instituições de ensino superior e 23.401 rondonistas (universitários e professores), alcançando cerca de 2 milhões de pessoas. Neste ano, no entanto, não houve acordo com o governo local e as ações não chegarão a nenhuma região administrativa do Distrito Federal.

Hermeto pede para sair

Depois da denúncia de agressão à mulher, o deputado Hermeto (MDB), embora negue qualquer tipo de violência, pediu para deixar a composição da CPI do Feminicídio. No lugar dele, assume o deputado Eduardo Pedrosa (PTC).

Telma Rufino deve presidir CPI do Feminicídio; Félix, relatar


Os integrantes da CPI do Feminicídio da Câmara Legislativa devem eleger hoje a deputada Telma Rufino (Pros) presidente. A vice-presidência deve ficar com o deputado Cláudio Abrantes (PDT), líder do governo na Casa. Sem grandes riscos de desgastes para a administração de Ibaneis Rocha (MDB). Se bem que esse nem é o intuito dos deputados que idealizaram a criação de uma comissão para estudar o tema, Arlete Sampaio (PT) e Fábio Félix (PSol). O distrital do PSol é o provável relator.

Deputada, casada e competente

A deputada Flávia Arruda (PL-DF) deixou claro após entrevista ao CB.Poder que os comentários machistas de que foi vítima não partiram de um parlamentar, e sim de uma autoridade que participou de uma reunião em que se foram discutidas as reformas em curso no Congresso. Flávia contou que ele se referiu a ela como uma “moça bonita” e que, então, ela foi defendida por um amigo parlamentar. “Moça, não. Deputada, casada e competente”, rebateu o deputado. Se o comentário tivesse partido de um parlamentar, o caso poderia parar no Conselho de Ética.

Só papos

“E você é corrupta e faz tudo exatamente ao contrário do que prometeu. Uma fraude. Conta aí, fofa, quantos cargos você embolsou no governo mesmo??? Conta fofa… fala da lista”

Deputada Joice Hasselmann (PSL-SP), ex-líder do governo na Câmara, que está em guerra com a base e os filhos do presidente Jair Bolsonaro

“Para quem está muito curioso para saber quem indiquei pro governo, esclareço que as pessoas que apresentei foram o Paulo Guedes pro presidente Jair Bolsonaro e o secretário especial da Previdência, Rogério Marinho, para o ministro Paulo Guedes. Tá bom?”


Deputada Bia Kicis, (PSL-DF), aliada de primeira hora do presidente Jair Bolsonaro

Comentários para "Distrito Federal registra em outubro menor índice de homicídios dos últimos 19 anos":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Aulas no DF começam em 14 de fevereiro de 2022

Aulas no DF começam em 14 de fevereiro de 2022

A portaria que define o calendário anual e semestral contendo todas as datas e eventos pedagógicos previstos será publicada nos próximos dias no Diário Oficial do DF

Colorida e popular: Drag queen e ativista do MST lança pré-candidatura a deputada federal no DF

Colorida e popular: Drag queen e ativista do MST lança pré-candidatura a deputada federal no DF

A presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, participou do ato de filiação de Ruth Venceremos ao partido

Confira os dias e locais das feiras rurais em dezembro no DF

Confira os dias e locais das feiras rurais em dezembro no DF

Emater-DF disponibiliza mensalmente uma relação das feiras rurais, com produtores atendidos pela empresa

MP do DF quer a proibição de repasses irregulares às empresas de ônibus

MP do DF quer a proibição de repasses irregulares às empresas de ônibus

Para a Prodep, o custeio de complementação tarifária não tem previsão legal

Liminar determina que indicado para vaga do TCDF tem que ser da carreira de auditor

Liminar determina que indicado para vaga do TCDF tem que ser da carreira de auditor

O Conselho Especial do TJDFT, em decisão do relator, determinou que a indicação de nome para compor o TCDF deve ser de candidato pertencente à carreira de Conselheiro Substituto (Auditor) do TCDF e suspendeu qualquer ato de indicação que, porventura, já tenha sido feito.

PF faz operação em 20 Estados e no DF contra rede de pedofilia na darkweb

PF faz operação em 20 Estados e no DF contra rede de pedofilia na darkweb

As diligências são realizadas no DF e nos Estados de Alagoas, Amazonas, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo e Tocantins.

Justiça mantém programa de gestão compartilhada em escolas públicas do DF

Justiça mantém programa de gestão compartilhada em escolas públicas do DF

O sindicato alega que o mencionado programa fere a proteção constitucional de liberdade de ensino ao transferir o direito de disciplinar alunos para a polícia militar.

Distritais aprovam indicação de André Clemente para o Tribunal de Contas do DF

Distritais aprovam indicação de André Clemente para o Tribunal de Contas do DF

A indicação de André Clemente ao TCDF foi aprovada com 19 votos favoráveis

Órgãos públicos do Distrito Federal terão locais adequados à amamentação

Órgãos públicos do Distrito Federal terão locais adequados à amamentação

A proposição é de autoria do deputado Rafael Prudente

PDDC recomenda que a Neonergia instale mais postos de atendimento presencial

PDDC recomenda que a Neonergia instale mais postos de atendimento presencial

Canais digitais não são suficientes para atender toda a população

Contas: Mais prazo para quitar débitos de 2021 com a Caesb até o dia 31 de janeiro

Contas: Mais prazo para quitar débitos de 2021 com a Caesb até o dia 31 de janeiro

Pessoas jurídicas podem solicitar o serviço até 31 de janeiro de 2022