×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 02 de julho de 2022

Doria sobre ser vice de Simone: 'Estamos dialogando, sempre conversando'

Doria sobre ser vice de Simone: 'Estamos dialogando, sempre conversando'Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

Acompanhado do ex-governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), Doria afirmou que se reunirá com o presidente nacional do PSDB, Bruno Araújo no domingo

Estadão Conteúdo - 20/05/2022 - 16:47:02

Pressionado por partidos da terceira via para desistir de sua pré-candidatura ao Planalto, o ex-governador João Doria (PSBD) afirmou nesta sexta-feira, 20, estar "dialogando" ao ser questionado por jornalistas se aceitaria ser vice da senadora Simone Tebet (MDB-MS) na disputa presidencial. "Estamos dialogando, sempre conversando. O diálogo é a base da democracia", disse em Goiânia. Nesta semana, os presidentes de PSDB, MDB e Cidadania deram aval ao nome de Tebet, mas a indicação ainda precisa ser referendada pelas executivas nacionais dos partidos.


Acompanhado do ex-governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), Doria afirmou que se reunirá com o presidente nacional do PSDB, Bruno Araújo no domingo, 22, em São Paulo, para discutir a viabilidade da candidatura. Ainda assim, o ex-governador tucano "avalia" a possibilidade de recorrer à Justiça para garantir sua participação na disputa à Presidência. "Com paz e entendimento se faz a boa política", afirmou.


Nesta quinta-feira, PSDB, MDB e Cidadania divulgaram nota conjunta para reforçar a necessidade de união das siglas e citou falas antigas de Simone Tebet e João Doria, em que se diziam dispostos a participar do processo de escolha de um nome único. No entanto, apesar da revelação oficial estar marcada para terça-feira, 24, o nome da senadora emedebista já é tido pela cúpula dos partidos como o representante da articulação, e o PSDB sinaliza que deve ignorar o resultado das prévias vencidas pelo ex-governador paulista.


"Vamos respeitar as prévias e a vontade popular dos filiados do PSDB, mas sempre com diálogo", afirmou Doria, que tenta aglutinar apoio dentro do partido. Em Goiás, o presidenciável conta com apoio das lideranças do Estado, representadas por Perillo. "Eu apoio o candidato do meu partido, defendo que o PSDB tenha nome nas eleições e não vou apoiar um candidato que não seja do PSDB", disse Marconi à imprensa. Para o ex-governador de Goiás, o desrespeito às prévias "enfraquece" a sigla.


O aval da cúpula de PSDB, MDB e Cidadania ao nome de Tebet, questionado pela ala defensora de João Doria, teria como base os índices de rejeição da senadora, menores que o do tucanos, segundo pesquisas de intenção de voto. Os três partidos encomendaram um levantamento do Instituto Guimarães de Pesquisa e Planejamento (IGPP). A movimentação em prol da senadora desagrada, inclusive, ao grupo do deputado federal Aécio Neves (PSDB-MG), também apoiador de candidatura própria, mas não do nome de Doria.


Em Goiás, Doria cumpriu agendas em Trindade, onde esteve no santuário e na Vila São Cottolengo, e em Goiânia, para reunião fechada com lideranças tucanas locais no Hotel Plaza Inn Augustus. O ex-governador de São Paulo defendeu o diálogo para que o País "não tenha apenas duas opções", numa referência à polarização entre o presidente Jair Bolsonaro (PL) e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).


fonte: Estadão Conteudo

Comentários para "Doria sobre ser vice de Simone: 'Estamos dialogando, sempre conversando'":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
“Estado brasileiro foi sequestrado e Funai virou instrumento de ataque aos povos indígenas”, diz Erika Kokay

“Estado brasileiro foi sequestrado e Funai virou instrumento de ataque aos povos indígenas”, diz Erika Kokay

Segundo a parlamentar, o governo Bolsonaro tem ""compromisso com as boiadas" .e "está corroendo o estado". "A Funai hoje é uma instituição anti-indigenista.”, frisou

Caso Pedro Guimarães pode apressar a adoção de novas regras nos bancos

Caso Pedro Guimarães pode apressar a adoção de novas regras nos bancos

As mudanças em estudo incluem a exigência de que toda denúncia de assédio sexual seja protocolada com o superior hierárquico do assediador

Embora tímida, reaproximação do Brasil com a Venezuela é 'muito positiva', aponta cientista político

Embora tímida, reaproximação do Brasil com a Venezuela é 'muito positiva', aponta cientista político

Um interesse claro reside na suavização do discurso norte-americano em relação à Venezuela: o petróleo.

STF se manterá vigilante em prol das eleições, diz presidente da Corte

STF se manterá vigilante em prol das eleições, diz presidente da Corte

Tribunal entra em recesso e retoma julgamentos normais em agosto

Fernández diz que, durante Cúpula das Américas, Bolsonaro pediu sua ajuda para libertar Jeanine Añez

Fernández diz que, durante Cúpula das Américas, Bolsonaro pediu sua ajuda para libertar Jeanine Añez

Jeanine Añez foi sentenciada a dez anos de prisão no dia 10 deste mês por golpe de Estado efetuado na Bolívia em 2019.

Com muita corrupção e sem Deus no coração, Bolsonaro precisa pagar pelos crimes que comete

Com muita corrupção e sem Deus no coração, Bolsonaro precisa pagar pelos crimes que comete

É chegada a hora de Bolsonaro pagar por todos os crimes que comete contra o povo brasileiro

Nova fase da Operação 'Luz da Infância' prende 66 pessoas em flagrante

Nova fase da Operação 'Luz da Infância' prende 66 pessoas em flagrante

Houve prisões nos estados de Alagoas (1), Bahia (1), Espírito Santo (2), Maranhão (1), Pará (3), Paraíba (1), Paraná (2), Rio Grande do Norte (1) e São Paulo (14).

Frente Parlamentar de Educação pede que TCU investigue supostos desvios no FNDE

Frente Parlamentar de Educação pede que TCU investigue supostos desvios no FNDE

Os parlamentares pedem também a abertura de procedimentos disciplinares caso se comprove o rombo nas contas do órgão

STF deixa 'Revisão da Vida Toda' próxima de ser aprovada

STF deixa 'Revisão da Vida Toda' próxima de ser aprovada

Em efeitos práticos, os ministros ainda precisam decidir, numa sessão administrativa, o que fazer com os julgamentos destacados depois de todos os votos proferidos no plenário virtual

Fuga de unicórnios? Sem arco-íris em tempos nebulosos de crise, startups repensam atuação no Brasil

Fuga de unicórnios? Sem arco-íris em tempos nebulosos de crise, startups repensam atuação no Brasil

Se em 2021 o Brasil recepcionou diversas companhias de tecnologiaoriundas da Colômbia, Peru e México, neste ano o cenário mudou.

Barroso prorroga suspensão de ordens de despejo para depois das eleições

Barroso prorroga suspensão de ordens de despejo para depois das eleições

Segundo o ministro, na retomada do cumprimento das ordens judiciais será preciso assegurar que as desocupações coletivas 'sejam realizadas com o pleno respeito à dignidade das famílias desapossadas'.