×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 18 de maio de 2022

Ecologia da China registra reviravolta histórica, diz funcionário

Ecologia da China registra reviravolta histórica, diz funcionárioFoto: Foto aérea tirada em 13 de abril de 2021 mostra uma seção do rio Hutuo em Shijiazhuang, Província de Hebei, no norte da China. A qualidade da água e o ecossistema no rio Hutuo foram melhorados graças aos esforços de restauração ecológica. (Xinhua/Yang Shi

O ambiente ecológico da China testemunhou uma reviravolta histórica na última década, disse Han Wenxiu, alto funcionário do Comitê Central de Assuntos Financeiros e Econômicos, nesta quinta-feira.

Portal Xinhua De Noticias - 12/05/2022 - 11:36:05

"Vimos menos dias nebulosos e massas de água pretas e fedorentas, e desfrutamos de céus mais azuis e águas mais cristalinas e montanhas verdejantes", destacou Han em uma coletiva de imprensa.

O reflorestamento artificial da China foi responsável por cerca de um quarto do total mundial e suas emissões de CO2 por unidade do produto interno bruto caíram cerca de 34%, revelou Han.

O país também liderou o mundo em capacidade instalada de energia eólica e fotovoltaica e outras energias verdes, assim como na produção e na venda de veículos de nova energia, disse.

Como fiel defensora do Acordo de Paris, a China anunciou as metas de atingir pico de emissões de CO2 antes de 2030 e alcançar neutralidade de carbono antes de 2060, acrescentou.

Comentários para "Ecologia da China registra reviravolta histórica, diz funcionário":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Para além do Curral, conheça outras sete serras em Minas ameaçadas pela mineração

Para além do Curral, conheça outras sete serras em Minas ameaçadas pela mineração

Além do cartão-postal de BH, importantes reservas ambientais e hídricas estão na mira ou já são alvos de exploração

Dia Mundial das Aves Migratórias combate poluição luminosa

Dia Mundial das Aves Migratórias combate poluição luminosa

Alerta ocorre no Dia Mundial de Aves Migratórias, com campanha para aumentar a informação sobre a urgência de proteção desses animais

“Menos de 8% da Caatinga é protegida legalmente”, afirma pesquisador

“Menos de 8% da Caatinga é protegida legalmente”, afirma pesquisador

Caatinga ocupa 90% do território paraibano e é responsável por importantes processos ecossistêmicos

Energia limpa: O que são fontes de energia renovável?

Energia limpa: O que são fontes de energia renovável?

Energia das ondas e marés: a energia gerada é proveniente do aproveitamento das ondas e marés oceânicas; entre outros.

Destinação correta de resíduos feita pela InterPlayers contribui com o plantio de árvores

Destinação correta de resíduos feita pela InterPlayers contribui com o plantio de árvores

Além de árvores, prática evitou que 348 kg de materiais fossem parar na natureza, contaminando rios e oceanos

Setor de fertilizantes especiais cresce 41,8% em 2020

Setor de fertilizantes especiais cresce 41,8% em 2020

Tecnologia em fertilizantes é alternativa para estiagem e aumenta produtividade

Pessoas estão mais preocupadas com a sustentabilidade dentro do lar

Pessoas estão mais preocupadas com a sustentabilidade dentro do lar

O tema virou conceito na Semana de Design de Milão de 2021

Alto Paraíso de Goiás recebe o I Seminário Solo Vivo, realizado pelo COMDEMA

Alto Paraíso de Goiás recebe o I Seminário Solo Vivo, realizado pelo COMDEMA

O evento é gratuito, e também poderá ser acessado de forma on-line

2.800 árvores já foram plantadas em parceria com a Associação Ambientalista Copaíba

2.800 árvores já foram plantadas em parceria com a Associação Ambientalista Copaíba

Reflorestamento e desenvolvimento social

Evento no Jardim Botânico do Rio destaca importância da Caatinga

Evento no Jardim Botânico do Rio destaca importância da Caatinga

Área da bioma corresponde a 11% do território nacional

Mudança climática é alerta para diferentes setores da economia

Mudança climática é alerta para diferentes setores da economia

A Organização das Nações Unidas (ONU) alerta que as emissões de CO2 podem aumentar as temperaturas globais até 4,4°C até o final do século