×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 22 de setembro de 2021

Encontro Brasileiro das Cidades Históricas valoriza Norte do paísFoto:

Encontro Brasileiro das Cidades Históricas valoriza Norte do país

O principal objetivo do encontro é fortalecer o papel dessas localidades na sua dinamização econômica, social, cultural e turística, auxiliando no estabelecimento de redes de cooperação entre governo, comunidade e iniciativa privada.

Da Assessoria De Comunicação / Do Ministério Da Cultura / Arte: Divulgação / Mc - 23/11/2018 - 17:21:50

O patrimônio natural e cultural brasileiro é de fundamental importância para o desenvolvimento e o fortalecimento da identidade da população. É essa a premissa da Confederação Nacional de Municípios (CNM) e da Organização das Cidades Brasileiras Patrimônio Mundial (OCBPM), na realização do 5º Encontro Brasileiro das Cidades Históricas Turísticas e Patrimônio Mundial. O evento, que conta com o apoio do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) – entidade vinculada ao Ministério da Cultura – ocorre pela primeira vez no Norte do Brasil, na cidade de Manaus (AM), de 22 a 24 de novembro.

O principal objetivo do encontro é fortalecer o papel dessas localidades na sua dinamização econômica, social, cultural e turística, auxiliando no estabelecimento de redes de cooperação entre governo, comunidade e iniciativa privada. A articulação é fundamental implantar políticas públicas voltadas ao desenvolvimento de ações de preservação e promoção nos sítios do Patrimônio Mundial e das cidades históricas turísticas.

As cidades abrigam expressões, manifestações da cultura viva e incomparáveis bens naturais, os quais são a base para o desenvolvimento de produtos turísticos competitivos. "A difusão, usufruto e comercialização do produto turístico cultural e natural de forma organizada, a fim de satisfazer às necessidades e aos desejos dos seus cidadãos locais e dos turistas, é um diferencial competitivo que valoriza e promove os atrativos", destaca o presidente da OCBPM, Mário Augusto Ribas do Nascimento.

A presidente do Iphan, Kátia Bogéa, esteve presente na abertura do evento, que contou com autoridades das três esferas governamentais, do Tribunal de Contas da União (TCU), parlamentares, e instituições ligadas ao turismo e ao meio ambiente. O diretor de Cooperação e Fomento do Iphan, Marcelo Brito, participou da mesa O Turismo e o Patrimônio Cultural e Natural, dando destaque à promoção de destinos patrimoniais no Brasil. Na ocasião, serão ainda apresentados os casos de Álter do Chão, em Santarém (PA), e do Festival de Parintins, no Amazonas.

A preservação e valorização do patrimônio nortista é uma das diretrizes de atuação do Iphan em 2018. Em novembro, as expressões culturais Marabaixo, do Amapá, e o Complexo Cultural do Boi Bumbá do Médio Amazonas e Parintins foram reconhecidas como Patrimônio Cultural do Brasil. Também houve o tombamento do geoglifo do sítio arqueológico Jacó Sá, no Acre.

Comentários para "Encontro Brasileiro das Cidades Históricas valoriza Norte do país":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório