×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 27 de novembro de 2021

Fiscalização resgata 76 trabalhadores escravizados em fazenda de alho em Minas Gerais

Fiscalização resgata 76 trabalhadores escravizados em fazenda de alho em Minas GeraisFoto: SRT-MG

Auditores-fiscais encontraram alojamentos precários e falta de equipamentos de proteção individual, entre outras violações

Pedro Stropasolas E Daniel Giovanaz - Brasil De Fato | São Paulo (sp) - 12/11/2021 - 18:47:23

Empregados faziam as necessidades no mato, por falta de banheiros, e as jornadas passavam das 70 horas semanais

Uma ação conduzida pelo grupo móvel de fiscalização e combate ao trabalho escravo da Superintendência Regional do Trabalho (SRTb/MG) resgatou, esta semana, 76 trabalhadores em condições análogas à escravidão em uma fazenda de alho em Tapira (MG), que fica 400 km a oeste de Belo Horizonte (MG).

Os auditores-fiscais, que atuaram em conjunto com o Ministério Público do Trabalho (MPT) e a Polícia Militar de Minas Gerais, constataram condições degradantes de trabalho e jornadas exaustivas.

Os empregados não tinham remuneração fixa: recebiam conforme a produção. Os alojamentos eram precários e apertados, com dez em cada quarto.

Eram apenas quatro banheiros para quase 80 trabalhadores. Sem opção, muitos deles faziam as necessidades no mato, a céu aberto.

Leia também: "Resgates de escravizados já batem os de 2020 e ganham a cara da pandemia", diz Sakamoto

Segundo as informações levantadas até o momento, os trabalhadores eram aliciados de forma irregular no norte de Minas Gerais. O nome da fazenda ou do empregador ainda não foi divulgado.

O trabalho na propriedade era realizado de domingo a domingo, em jornadas superiores a 70 horas semanais.

Os empregados tinham que pagar pelas ferramentas de trabalho, e nem todos dispunham de equipamentos de proteção individual.

Não foi verificada nenhuma medida de prevenção à covid-19, e os empregados tinham que compartilhar as garrafas térmicas porque não havia reposição de água durante a jornada.

Leia também: Produtor premiado e cidadão honorário de cidade de MG mantinha fazenda de café com trabalho escravo

Trabalhadores que tiveram que se deslocar para tomar vacina contra o novo coronavírus tiveram as horas de trabalho descontadas, segundo informações apuradas no local.

Após a ação, o empregador foi notificado e cada trabalhador da fazenda recebeu uma indenização de R$ 4,5 mil por danos morais, além das verbas rescisórias e guias que dão direito a três parcelas de seguro-desemprego.

Todos os resgatados voltaram a suas cidades de origem.

O Brasil de Fato aguarda retorno do coordenador da operação para mais informações. A matéria pode ser atualizada em breve.

Edição: Leandro Melito

Comentários para "Fiscalização resgata 76 trabalhadores escravizados em fazenda de alho em Minas Gerais":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Mais de 200 mil aposentados do Executivo fazem a prova de vida digital

Mais de 200 mil aposentados do Executivo fazem a prova de vida digital

Serviço é oferecido pelos aplicativos SouGov e Gov.br e pelo BB

Huawei gera 96,5 mil empregos na América Latina e Caribe

Huawei gera 96,5 mil empregos na América Latina e Caribe

Relatório da Oxford Economics aponta que a Huawei foi responsável por 28.400 empregos no Brasil, 14.150 empregos na Colômbia e 13.150 empregos no México, em 2019

Agências do trabalhador oferecem 443 vagas em 48 profissões

Agências do trabalhador oferecem 443 vagas em 48 profissões

Uma das áreas que mais está contratando é a de bares, restaurantes, lanchonetes e afins

Sistema das Nações Unidas apresenta diversas oportunidades de trabalho

Sistema das Nações Unidas apresenta diversas oportunidades de trabalho

Confira as vagas para postos em países de língua portuguesa como Angola, Brasil e Moçambique

Organização é sua maior habilidade? Há 100 vagas de emprego

Organização é sua maior habilidade? Há 100 vagas de emprego

São oportunidades para profissionais de nível médio e sem experiência para atuar na área de logística. Confira as ofertas das agências do trabalhador

TST conclui julgamento dos Correios: Greve não foi abusiva e reajuste fica abaixo da inflação

TST conclui julgamento dos Correios: Greve não foi abusiva e reajuste fica abaixo da inflação

TST considerou não abusiva a greve da categoria (que durou apenas um dia) e fixou reajuste salarial de 9,75%

Uma de 270 vagas de emprego desta segunda pode ser sua

Uma de 270 vagas de emprego desta segunda pode ser sua

Entre os empregos oferecidos pelas agências do trabalhador, há um amplo leque de oportunidades para diferentes profissões

Anúncios de vagas que pedem vacinação aumentou mais de 500% no Brasil entre agosto e outubro

Anúncios de vagas que pedem vacinação aumentou mais de 500% no Brasil entre agosto e outubro

Segundo o Indeed, número de anúncios de vagas que pedem vacinação aumentou mais de 500% no Brasil entre agosto e outubro

Renda do trabalho perde peso em 2020, e brasileiro depende mais de programas sociais

Renda do trabalho perde peso em 2020, e brasileiro depende mais de programas sociais

No ano passado, o 1% de pessoas com melhor rendimento ganhava 34,9 vezes mais em relação aos 50% com menor rendimento

Garçom é obrigado a fazer teste de HIV por empresa dona de cruzeiro e é indenizado em R$ 10 mil

Garçom é obrigado a fazer teste de HIV por empresa dona de cruzeiro e é indenizado em R$ 10 mil

De acordo com a legislação, não é permitida a testagem do trabalhador para HIV em procedimentos ligados à relação de emprego

Câmara recria Ministério do Trabalho, mas extinção da pasta por mais de 2 anos trará impactos

Câmara recria Ministério do Trabalho, mas extinção da pasta por mais de 2 anos trará impactos

Os impactos da extinção da pasta por mais de dois anos poderão ser feitos mais adiante