×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 17 de maio de 2022

'Maior peça de propaganda do governo já feita', diz professor sobre vídeo de reunião ministerial

'Maior peça de propaganda do governo já feita', diz professor sobre vídeo de reunião ministerialFoto: Marcos Corrêa - PR

A reunião de 22 de abril foi apontada pelo ex-ministro da Justiça Sergio Moro como prova da interferência do presidente Jair Bolsonaro na Polícia Federal (PF), motivo alegado pelo ex-juiz para pedir demissão do governo.

Sputnik Brasil - 23/05/2020 - 11:04:27

Após as denúncias de Moro, a Procuradoria-Geral da República pediu em 24 de abril abertura de investigação no Supremo Tribunal Federal (STF) sobre a suposta interferência. Três dias depois, o ministro Celso de Mello, que liberou o sigilo do vídeo da reunião, autorizou o inquérito.

Sputnik Brasil ✔@sputnik_brasil

O ministro Celso de Mello, do STF, aceitou o pedido de abertura de inquérito para apurar as acusações de @SF_Moro contra o presidente @jairbolsonaro
© Foto: AP Photo / Eraldo Pereshttps://sptnkne.ws/CkE7

20

11:38 PM - Apr 27, 2020

Twitter Ads info and privacy

See Sputnik Brasil's other Tweets

​Para Piero Leirner, professor da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), o "resultado" da divulgação" foi a "maior peça de propaganda de governo já feita" na gestão atual.

'Caso pensado'

O antropólogo lança dúvidas sobre o que levou Bolsonaro a entregar o vídeo e acredita que tudo pode ter sido feito de "caso pensado". Para ele, "é melhor não subestimar a capacidade do governo de jogar dois passos à frente".

"Não houve relutâncias em entregar o vídeo. Na ocasião, o general Augusto Heleno poderia ter dito: 'Não entrego. Vão fazer o que?'. Já existiu um precedente. Renan Calheiros se recursou a receber notificação do STF de afastamento da presidência do Senado. O que aconteceu? Nada. Então era só bater o pé e nada ia acontecer", disse Leirner à Sputnik Brasil.

O pesquisador se refere a fato ocorrido em 5 de dezembro de 2016, quando Calheiros se recusou a receber um oficial da Justiça que trazia notificação do ministro Marco Aurélio Mello determinando seu afastamento da presidência da Casa. Dois dias depois, a maioria dos ministros do STF derrubou a liminar de Marco Aurélio e Calheiros permaneceu no comando do Senado.

Para o antropólogo, o conteúdo do vídeo não demonstra nenhuma tentativa do presidente de interferir em investigações em andamento. Além disso, diz que não há nada na legislação que proíba o presidente de nomear o chefe da Polícia Federal.

'Vídeo é peça publicitária'

"A interferência que seria problemática seria na investigação. Bolsonaro tem o direito legal de produzir nomeações e exonerações no executivo, em cargos que são nomeados, mas não nos concursados. Não há nada na legislação determinando autonomia da PF. Isso é um absurdo criado pela Lava Jato. Mas não é isso que importa. O que importa é que o vídeo é uma peça publicitária. Qualquer um pode ver isso, e certamente Celso de Mello viu. Liberar o vídeo mostra que esse processo é bem suspeito, mostra que esse conflito tem uma feição de jogo combinado", afirmou Piero Leirner.

STF ✔@STF_oficial

Ministro Celso de Mello autoriza acesso a vídeo de reunião ministerial. Decisão do relator no Inquérito 4831 (Caso Moro/Bolsonaro) libera vídeo e degravação de seu conteúdo a qualquer cidadão. http://portal.stf.jus.br/noticias/verNoticiaDetalhe.asp?idConteudo=443959&ori=1 …

Ministro Celso de Mello autoriza acesso a vídeo de reunião ministerial

Decisão do relator no Inquérito 4831 (Caso Moro/Bolsonaro) libera vídeo e degravação de seu conteúdo a qualquer cidadão

portal.stf.jus.br

13.5K

5:00 PM - May 22, 2020

Twitter Ads info and privacy

9,868 people are talking about this

​Carlos Sávio Gomes Teixeira, professor do Departamento de Ciência Politica da Universidade Federal Fluminense (UFF), concorda que o vídeo divulgado nesta sexta-feira (22) "não contém nenhuma prova contra Bolsonaro", no sentido de confirmar uma possível interferência do presidente na PF.

Também em declarações à Sputnik Brasil, o acadêmico opina que as imagens em questão revelam apenas "o que os analistas já sabiam com relação ao espírito sem refino intelectual dos integrantes do governo ", mas, ao mesmo tempo, "sua divulgação agora foi ótima politicamente para o governo, pois desvia a atenção dos problemas derivados da crise do coronavírus, que, pela primeira vez, ameaçavam desgastar o governo".

'Vídeo mostra muito mais do que Moro sugeriu'

De opinião contrária às dos dois especialistas, Eugênia Rosa Cabral, professora e atual coordenadora do Programa de Pós-graduação em Ciência Política da Universidade Federal do Pará (UFPA), afirma que "o vídeo mostra muito mais do que Moro sugeriu".

"Mostra o que pensa e faz o governo em vários campos: ambiental, político, cultural e social. Estou perplexa, indignada e envergonhada! Se tudo o que mostra o vídeo é suficiente para que as instituições tomem uma atitude, aí eu não sei. Não sabemos, ao certo!", disse ela à Sputnik Brasil.

Formalmente, ainda de acordo com Cabral, o conteúdo dessa reunião ministerial de um mês atrás "tem tudo o que precisa para derrubar o atual presidente", mas não é possível saber ainda "se os atores políticos estão interessados em levar o processo adiante e acabar com esse (des)governo".

As opiniões expressas nesta matéria podem não necessariamente coincidir com as da redação

Comentários para "'Maior peça de propaganda do governo já feita', diz professor sobre vídeo de reunião ministerial":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Procurando emprego? Agências oferecem vagas com salário de até R$ 6 mil

Procurando emprego? Agências oferecem vagas com salário de até R$ 6 mil

No total estão disponíveis, nesta terça-feira (17), 198 vagas para diversas especialidades, destinadas a pessoas com ensino superior, médio e fundamental, com ou sem experiência

Roubo com Pix: Confira dicas para tornar seu celular mais seguro

Roubo com Pix: Confira dicas para tornar seu celular mais seguro

A sensação é que o risco de ter o dinheiro desviado da conta está próximo, mas há medidas que podem ser implementadas no smartphone para diminuir as chances disso ocorrer.

Procon proíbe venda da bebida Del Valle Fresh no Distrito Federal

Procon proíbe venda da bebida Del Valle Fresh no Distrito Federal

Medida foi tomada por suposta divulgação de propaganda enganosa

Sustentare deverá pagar, aproximadamente, R$ 11,8 milhões ao SLU por contratação ilegal

Sustentare deverá pagar, aproximadamente, R$ 11,8 milhões ao SLU por contratação ilegal

Empresa foi condenada a devolver a diferença entre o preço que efetivamente recebeu e o que a Cavo receberia se tivesse sido declarada vencedora da contratação emergencial

Começa prazo para pagar primeira parcela ou cota única do IPTU

Começa prazo para pagar primeira parcela ou cota única do IPTU

Neste ano, o IPTU poderá ser pago em seis cotas, em vez de quatro. O desconto da cota única também está maior, passando de 5% para 10%

O que o TSE mudou na política de transparência para as eleições de 2022? Entenda 10 medidas

O que o TSE mudou na política de transparência para as eleições de 2022? Entenda 10 medidas

Justiça Eleitoral apresentou documento com Plano de Ação para Ampliação da Transparência do Processo Eleitoral

Oposições tentam afunilar candidaturas ao governo do Distrito Federal

Oposições tentam afunilar candidaturas ao governo do Distrito Federal

Grupos políticos buscam formar alianças amplas para derrotar governador Ibaneis Rocha (MDB), que tentará reeleição

1ª primeira parcela e cota única do IPTU vencem hoje no DF

1ª primeira parcela e cota única do IPTU vencem hoje no DF

Imposto pode ser pago em até seis cotas

Procurando emprego? Há 335 vagas nesta segunda-feira

Procurando emprego? Há 335 vagas nesta segunda-feira

São oportunidades disponíveis em diversas áreas de atuação e em todas as regiões administrativas do DF

Receita Federal alerta para golpe na restituição do Imposto de Renda

Receita Federal alerta para golpe na restituição do Imposto de Renda

Órgão lembra que é preciso ter cuidado com e-mails

Exposição apresenta olhar de embaixadores sobre Brasília

Exposição apresenta olhar de embaixadores sobre Brasília

Mostra de fotos foi inaugurada no Museu de Arte de Brasília (MAB) e evidencia o olhar de diplomatas sobre a capital federal