×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 25 de junho de 2022

PLP 257: Com apoio de governadores Governo Federal golpeia servidores públicos

PLP 257: Com apoio de governadores Governo Federal golpeia servidores públicosFoto:

O governador Rodrigo Rollemberg do PSB é um dos que apoiam as medidas.

Redação/foto: facabook - 04/04/2016 - 10:28:09

Alberto Fraga, deputado federal pelo DF é contra o projeto. O DF será um dos mais atingidos com a aprovação do projeto, poderá haver redução do Fundo Constitucional, atingirá de uma só vez os servidores da saúde, educação e segurança. ...

Congelamento de salários e demissões fazem parte da contrapartida dos estados com a União para refinanciar suas dívidas. O governador Rodrigo Rollemberg lidera o grupo de governadores que, em troca do refinanciamento da dívida dos estados com a União, propõe um pacote de arrocho aos servidores, medidas que incluem o congelamento de salários por dois anos, suspensão de contratações, demissões , mudanças no regime jurídico, aumento da alíquota de contribuição previdenciária de 11% para 14% paga pelo servidor público, além de mudanças em dezenas de itens da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), as medidas terão duração primeiramente de 24 meses. O projeto tramita em caráter de urgência na Câmara dos Deputados, e pode ser aprovado durante a semana.

"Na semana passada Rollemberg telefonou para o deputado federal Esperidião Amim que é relator do PLP 257 e pediu para que o projeto seja aprovado sem emendas," elas ja somam quase duas centenas." Revelou um deputado ao blog.

Ouvidos pelo blog:

A presidente do SindSaúde Marli Rodrigues diz que é contra o projeto: " o servidor público precisa PUNIR o mentor dessa maldita idéia, em 2018. E a presidente da Republica tem que ter a (sensatez) e exercer a dignidade de retirar o projeto do legislativo ou entrará para a história como a destruídora da história, da luta histórica dos trabalhadores , e com certeza marcará com sangue a tragetória ideológica do movimento sindical, ferindo o presente e destruindo o futuro do servidor público junto com o mentor do maléfico projeto."

Um conselheiro do Tribunal de Contas que pediu anonimato respondeu: "O projeto da forma que foi concebido tem por objetivo reduzir a atuação dos órgãos de controle, Judiciário, Ministério Público, Tribunal de Contas e do próprio Legislativo, ao permitir ao Executivo reduzir o duodécimo desses órgãos em relação às despesas com inativos e pensionistas. Em alguns Estados poderá significar a inviabilidade de funcionamento dos órgãos de controle com necessidade de demissões em massa de servidores público. Diante desse quadro resta indagar a quem verdadeiramente interessa o enfraquecimento dessas relevantes instituições, notadamente no momento atual? Outro aspecto é que se aprovado os servidores públicos de todos os entes federados e poderes terão seus vencimento congelados e muitos outros terão que ser demitidos. Aos governadores e prefeitos a aprovação lhes dará muito poder no controle de orçamento sem desgaste imediato porque dirão que estão cumprindo lei federal."

Alberto Fraga, deputado federal pelo DF é mais pragmático: "Sem a menor chance! Não vamos aceitar ajustes fiscais com o sacrifício dos servidores públicos".

Se o Projeto de Lei Complementar (PLP) 257/2016 for aprovado, o GDF não pagará em outubro deste ano a última parcela do reajuste que não foi quitado no ano passado.

Comentários para "PLP 257: Com apoio de governadores Governo Federal golpeia servidores públicos":

    • Loide

      Segunda-Feira, 04 de Abril de 2016 -

      Isto é o maior absurdo, nossos governantes demonstram toda asua incompetência e quem é massacrado é mais uma vez o servidor juntamente com o povo, sendo o servidor duplamente massacrado.

    • Terezinha Almeida

      Segunda-Feira, 04 de Abril de 2016 -

      Gostaria de perguntar aos governantes deste país que mediante à tanto roubo dos cofres públicos eles não tem vergonha de penalizar o povo e os trabalhadores, que eles devolvam o que roubaram que não vamos ter que passar por isso, que país é esse? O ladrão de galinha vai preso e esses que roubaram bilhões ficam aí tentando nos enganar dizendo que não são ladrões (Quem pega o que não é dele é o quê? ?????)

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Receita Federal alerta sobre fraudes envolvendo regularização do CPF

Receita Federal alerta sobre fraudes envolvendo regularização do CPF

Tratam-se de golpistas que utilizam a imagem do Fisco para dar credibilidade aos golpes, pois os alertas oficiais da Receita não contém links

Passagens aéreas sobem 123% em 12 meses e lideram com as maiores altas

Passagens aéreas sobem 123% em 12 meses e lideram com as maiores altas

Os dados fazem parte da pesquisa divulgada nesta sexta-feira, 24 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

ANS amplia cobertura de tratamentos de transtornos globais do desenvolvimento

ANS amplia cobertura de tratamentos de transtornos globais do desenvolvimento

A nota técnica que baseia a decisão cita manual do Sistema Único de Saúde

Minas Gerais é campeão na geração de energia solar

Minas Gerais é campeão na geração de energia solar

Estado é líder com mais de 16% da participação nacional

Reconhecimento de firma poderá ser feito on-line

Reconhecimento de firma poderá ser feito on-line

MP dos Cartórios também pretende atuar no processo de modernização com o objetivo de unificar os registros cartorais de todo o país

Passageiros terão de se acostumar com passagens mais caras, diz Iata

Passageiros terão de se acostumar com passagens mais caras, diz Iata

A entidade está realizando nesta semana, no Catar, seu encontro anual.

Brasil começa a tratar energia e sustentabilidade como temas prioritários

Brasil começa a tratar energia e sustentabilidade como temas prioritários

O IPCC também aponta que, nos próximos oito anos, 132 milhões de pessoas (especialmente de países mais vulneráveis, incluindo regiões da América do Sul) podem cair na extrema pobreza.

Turismo fatura R$ 15,4 bi só em março, segundo FecomercioSP

Turismo fatura R$ 15,4 bi só em março, segundo FecomercioSP

Buscas por viagens aumentam no primeiro semestre

Começa a 3ª fase da Pesquisa Nacional de Saúde Bucal

Começa a 3ª fase da Pesquisa Nacional de Saúde Bucal

As primeiras visitas aos cidadãos aconteceram em março, no estágio denominado arrolamento, em que agentes comunitários de saúde visitam setores sorteados em busca do público-alvo da sondagem.

Classes B, C, D e E no Brasil têm menos acesso a computadores desde a pandemia

Classes B, C, D e E no Brasil têm menos acesso a computadores desde a pandemia

Pesquisa TIC Domicílios foi divulgada hoje por centro de estudos

Aneel reajusta bandeiras tarifárias em até 64%

Aneel reajusta bandeiras tarifárias em até 64%

Consumidores não pagarão mais porque bandeira está verde