×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 19 de outubro de 2021

Portugal sobe no ranking da liberdade de imprensa

Portugal sobe no ranking da liberdade de imprensaFoto: Divulgação

Portugal subiu dois lugares no ranking mundial de liberdade de imprensa, publicado anualmente pela organização Repórteres Sem Fronteiras (RSF)

Eco.sapo.pt - 20/04/2019 - 21:43:52

Portugal sobe no ranking da liberdade de imprensa. 12.º lugar é o mais alto desde 2013

Portugal nunca esteve tão em cima no ranking da liberdade de imprensa, publicado pela RSF. Mas as ameaças judiciais aos jornalistas e a criminalização da difamação ainda são problemas.

Portugal subiu dois lugares no ranking mundial de liberdade de imprensa, publicado anualmente pela organização Repórteres Sem Fronteiras (RSF). O país alcançou a 12.ª posição e só não registou uma posição melhor devido aos baixos salários na profissão e à agressividade do meio futebolístico perante os órgãos de comunicação social.

Esta é a melhor posição alguma vez alcançada por Portugal desde 2013, quando o ranking começou a ser publicado. A mais baixa foi em 2014, altura em que Portugal surgia em 30.º lugar entre os 180 países analisados. A posição do país sobe desde então, há quatro anos consecutivos.

“Ainda que os jornalistas portugueses sejam mal pagos e a insegurança esteja a aumentar, o ambiente reportado é relativamente calmo”, indica a organização. “O insulto e a difamação ainda são criminalizados, apesar das repetidas condenações do Tribunal Europeu dos Direitos Humanos de que Portugal está a violar a liberdade de expressão”, indica a RSF.

A organização aponta ainda que, “no mundo do futebol, treinadores e adeptos ainda são muito agressivos perante os meios de comunicação social e os jornalistas são várias vezes ameaçados com processos por darem cobertura a práticas duvidosas nos principais clubes”.

O mapa da liberdade de imprensa (edição de 2019).Repórteres Sem Fronteiras


O país com menos liberdade de imprensa é o Turquemenistão, onde “o governo controla toda a imprensa e os poucos utilizadores de internet só podem aceder a uma versão da internet altamente censurada. Segundo a RSF, nos últimos anos, “muitos jornalistas foram presos, torturados e atacados fisicamente ou, de outras formas, forçados a parar de trabalhar”.

No topo da lista, com maior liberdade de imprensa, ficou a Noruega. Desde o lançamento deste índice que o país do norte da Europa se mantém no pódio, sendo que este é o segundo ano consecutivo de vitória para os noruegueses. “Hoje em dia, a imprensa é livre e os jornalistas não estão sujeitos a censura ou pressão política”, garante a RSF.


Os Estados Unidos, liderados por Donald Trump, só surgem em 48.º lugar, enquanto a China, de Xi Jinping, surge na 177.ª posição do ranking, a três lugares da última posição. O Brasil de Jair Bolsonaro surge na posição 105, uma queda de três posições na lista da organização.

Depois do assassinato do jornalista Jamal Khashoggi, a Arábia Saudita caiu três lugares no ranking, para a 133.ª posição: “A Arábia Saudita não permite que haja imprensa independente. As autoridades mantêm os jornalistas sauditas debaixo de estreita vigilância, mesmo quando estão no estrangeiro, como mostrou o assassinato de Jamal Khashoggi em Istambul, em outubro de 2018″, critica a RSF.

Comentários para "Portugal sobe no ranking da liberdade de imprensa":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
130ª Feira de Cantão: China continua a abertura e compartilha oportunidades com o mundo

130ª Feira de Cantão: China continua a abertura e compartilha oportunidades com o mundo

Em sua carta, Xi observou que a feira fez contribuições significativas para facilitar o comércio internacional, o intercâmbio externo-interno e o desenvolvimento econômico desde sua criação em 1957

Paraguai reforça segurança na fronteira com Brasil

Paraguai reforça segurança na fronteira com Brasil

Congressistas americanos pedem recuo na relação com Brasil

Desenvolvimento é a força motriz da erradicação da pobreza na China

Desenvolvimento é a força motriz da erradicação da pobreza na China

Entre 1990 e 2010, no contexto da arrancada industrial, proporção de população pobre chinesa passou de 66,3% para 11,2%, de acordo com o Banco Mundial

China emite selos comemorativos da COP15

China emite selos comemorativos da COP15

Foto tirada em 11 de outubro de 2021 mostra os detalhes de um selo comemorativo para a 15ª reunião da Conferência das Partes da Convenção das Nações Unidas sobre Diversidade Biológica (COP15) realizada em Kunming, Província de Yunnan, sudoeste da China.

ONG austríaca denuncia Jair Bolsonaro a tribunal internacional por 'crimes contra a humanidade'

ONG austríaca denuncia Jair Bolsonaro a tribunal internacional por 'crimes contra a humanidade'

O tribunal não tem obrigação de julgar todos os casos apresentados.

Veja o que dizem os presidentes latino-americanos flagrados com empresas em paraísos fiscais

Veja o que dizem os presidentes latino-americanos flagrados com empresas em paraísos fiscais

As Ilhas Virgens Britânicas são consideradas um dos principais paraísos fiscais do mundo, possuem apenas 152km² e 400 mil empresas registradas, recebendo cerca de US$ 60 bilhões anualmente

Brasil concede 80 vistos humanitários para cidadãos do Afeganistão

Brasil concede 80 vistos humanitários para cidadãos do Afeganistão

Estão em andamento mais 400 pedidos de vistos

Igreja Católica da França: 216.000 menores foram vítimas de abuso sexual em 70 anos, diz relatório

Igreja Católica da França: 216.000 menores foram vítimas de abuso sexual em 70 anos, diz relatório

Cerca de 3.000 pedófilos atuaram na Igreja Católica da França desde 1950, conforme um relatório da Comissão Independente Francesa sobre Abuso Sexual na Igreja.

Pelo menos 8 países apuram denúncias sobre uso de paraísos fiscais por líderes

Pelo menos 8 países apuram denúncias sobre uso de paraísos fiscais por líderes

Autoridades tributárias de Austrália, México, Espanha e Panamá fizeram comunicados públicos afirmando que estão acompanhando as denúncias reportadas e garantindo que investigarão possíveis crimes e indivíduos mencionados nos Pandora Papers.

BNDES captará US$ 500 milhões com banco dos Brics para projetos sustentáveis

BNDES captará US$ 500 milhões com banco dos Brics para projetos sustentáveis

O financiamento do NDB ao BNDES terá prazo total de 11 anos e seis meses. O banco brasileiro poderá usar os recursos para emprestar ao longo de quatro anos.

Projetos arquitetônicos são atração da Expo 2020, em Dubai

Projetos arquitetônicos são atração da Expo 2020, em Dubai

Quem visita faz uma viagem pela arquitetura internacional