×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 16 de agosto de 2022

Sebastião Salgado apresenta exposição sobre a Amazônia no Rio de Janeiro

Sebastião Salgado apresenta exposição sobre a Amazônia no Rio de Janeiro

Foto: Divulgação

Gosto muito da China. Eu fiz muitas fotos na China. Eu fiz muitas exposições

Agência Xinhua De Noticias - 20/07/2022 - 07:19:07

Cerca de 200 fotos do fotógrafo documental brasileiro Sebastião Salgado estão em exposição no Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro, desde terça-feira, com imagens que literalmente revelam a beleza da floresta amazônica e a vida dos povos indígenas. Com vasta experiência de mais de sete anos convivendo em 12 tribos indígenas da floresta amazônica, o fotógrafo brasileiro mostra o seu refinado olhar, em um jogo de luz e sombras, que potencializam o preto e branco característico de suas imagens. Na conferência de imprensa realizada na segunda-feira, Sebastião Salgado disse que a exposição pretende suscitar um debate sobre o futuro da floresta amazônica, e manifestou o desejo de lançar a exposição na China, devido à preocupação do povo chinês com o ecossistema da floresta amazônica.

SEBASTIÃO SALGADO - FOTÓGRAFO BRASILEIRO

Gosto muito da China. Eu fiz muitas fotos na China. Eu fiz muitas exposições. Nós tínhamos muita vontade de levar esta exposição da Amazônia para a China porque a China é determinante, tanto do ponto de vista tecnológico, financeiro e político.

Salgado ressaltou que o mundo todo deve se preocupar com a floresta amazônica. Anteriormente apresentada em Paris, Londres, Roma e São Paulo, a exposição intitulada "Amazônia" estará aberta ao público no dia 19 de julho no Rio de Janeiro. A mostra imersiva ocupa o Museu do Amanhã até 29 de janeiro, e serve como alerta para que as agressões provocadas pela ganância não destruam uma floresta que pulsa cheia de vida, no olhar do fotógrafo.

Comentários para "Sebastião Salgado apresenta exposição sobre a Amazônia no Rio de Janeiro":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório