×
ContextoExato
Responsive image

Secretaria de Saúde do DF alerta para golpe envolvendo vacina

Secretaria de Saúde do DF alerta para golpe envolvendo vacinaFoto: Divulgação /Instituto de Pesquisas Clínicas

Secretaria de Saúde alerta para o golpe do agendamento de vacinação

Por Mara Puljiz, G1 Df - 20/01/2021 - 07:50:48

Segundo pasta, criminosos oferecem falso agendamento de imunização, para ter acesso a dados de celulares de vítimas. Ministério da Saúde também pediu atenção para crime.

A Secretaria de Saúde do Distrito Federal fez um alerta sobre um golpe envolvendo a vacina contra a Covid-19. Segundo a pasta, criminosos estão aproveitando o momento de distribuição dos imunizantes pelo país para enganar pessoas.

O golpe funciona da seguinte forma: suspeitos se passam por servidores de saúde e ligam para vítimas oferecendo um falso agendamento de vacinação contra a Covid-19. Em seguida, mandam um código para o celular da pessoa e pedem que ela informe os números enviados, ou clique em algum link para confirmar.

Segundo a SES-DF, os golpistas usam essas informações para clonar aplicativos de mensagem e conseguir acesso ao celular. Em uma postagem nas redes sociais, a pasta ressaltou que não telefona para agendar a vacinação, nem pede confirmação por mensagem ( veja abaixo ). O Ministério da Saúde também fez um alerta sobre o golpe.

Secretaria alerta para o golpe do agendamento de vacinação — Foto: Reprodução / redes sociais

Secretaria alerta para o golpe do agendamento de vacinação — Foto: Reprodução / redes sociais

O delegado Wisllei Salomão, da Coordenação de Repressão a Fraudes (Corf), afirma que, caso a vítima informe o código enviado pelo golpista, o criminoso pode ter acesso às informações do celular e até conversar com amigos e familiares para pedir dinheiro, em nome do dono do aparelho.

"Esta é uma nova roupagem de um velho golpe. As pessoas não devem passar informações, senhas, dados para ninguém. Caso contrário, o WhatsApp é subtraído e o golpista vai usar ele pra pedir dinheiro e praticar crimes", explica Wisllei.
O delegado da Corf, Wisllei Salomão — Foto: Letícia Carvalho/G1

O delegado da Corf, Wisllei Salomão — Foto: Letícia Carvalho/G1

O delegado afirma que golpistas usam da lábia e se aproveitam da falta de atenção das pessoas. Ele orienta os usuários a desconfiarem sempre de qualquer serviço, facilidade ou solicitação diferente.

"As pessoas também devem tomar cuidado e não transferir qualquer valor sem antes confirmar. Sempre duvide de pessoas que pedem dinheiro, transferências, principalmente se for fora do horário do atendimento bancário, nos fins de semana", explica o delegado.

Leia mais notícias sobre a região no G1 DF .

Comentários para "Secretaria de Saúde do DF alerta para golpe envolvendo vacina":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório