×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 04 de dezembro de 2021

Uma modelo para a Organização das Nações Unidas

Uma modelo para a Organização das Nações UnidasFoto: Reprodução Maria José

Ela foi escolhida pela sua garra, pelas suas conquistas, pelos seus depoimentos durante e depois da sua participação no Programa Sonhe, Realize.

Por Maria José Rocha Lima - 24/10/2021 - 17:55:45

O mundo comemora, neste dia 24 de outubro, a fundação da Organização das Nações Unidas. A ONU busca a paz, a união e a prosperidade de todos os países. Missão semelhante à assumida pela Organização Internacional Soroptimista em sua fundação, ressalta Maria Helena Riquinho, governadora da Soroptimist Região Brasil - 2020/2022.

As Soroptimistas da Região Brasil escolheram como modelo este ano uma jovem brasileira, Raquel, para celebrar o Dia da ONU. Ela foi escolhida pela sua garra, pelas suas conquistas, pelos seus depoimentos durante e depois da sua participação no Programa Sonhe, Realize.


Criada em um abrigo em São Vicente, no Brasil, Raquel, onde quer que procurasse, só encontrava dificuldades e muito poucas oportunidades para uma menina como ela. Ela escreveu : “A partir do momento em que você nasce como uma criança pobre, negra e do sexo feminino, já há obstáculos”. Mas Raquel se recusou a perder as esperanças.



A governadora da Soroptimist diz que, por mais de um século, "a organização trabalha para melhorar a vida de mulheres e meninas como Raquel, que nos contou como foi inspirada pelo Programa Sonhe, Realize.” Para a governadora, o seu exemplo deve inspirar meninas e mulheres ao redor do mundo.



Raquel percebeu que suas maiores dificuldades eram psicológicas — ter força mental suficiente para seguir seus planos de vida. "No Programa Sonhe, Realize, “aprendi a expressar minha visão”, diz ela. “Em momentos difíceis, posso me lembrar daqueles planos e continuar no mesmo caminho, concentrada.”
Raquel participou do Programa Sonhe, Realize, aproveitou as orientações profissionais, vocacionais e psicológicas, e atentou para histórias de mulheres inspiradoras, que a motivaram, segundo Isabel Cristina Rocha de Morais, presidente do SI Brasília Sudoeste.



Durante o desenvolvimento do Programa Sonhe, Realize, as jovens estudantes participam de oficinas, nas quais elas falam dos seus sonhos; fazem um plano de estudos, quase sempre falam de suas vocações; projetam a vida profissional, muitas vezes fazem um projeto de vida. As jovens escrevem o passo a passo para a realização dos seus sonhos.



Maria Helena Riquinho conclama: “Neste dia da ONU, comemore estimulando mulheres e meninas a chegarem mais longe. Todas nós temos potencial de conquistar o mundo, e o seu estímulo irá fazer a diferença para que elas acreditem no próprio potencial. Acredite no seu e no potencial de todas as mulheres de tornar o nosso mundo melhor e mais unido. Que tenhamos muitas Raqueis para servirem de exemplo e motivação.”
Meninas como Raquel estão em maior risco de ser deixadas para trás. Segundo a Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE), 32% das meninas brasileiras deixam o ensino médio por situações de abuso ou pela necessidade de ajudar a família no sustento.



Hoje, Raquel está terminando sua formação em Recursos Humanos. Ela será a primeira pessoa de sua família a concluir o ensino superior, um grande motivo de orgulho, tanto para a família como para nós, Soroptimistas, que nos sentimos responsáveis por este “empurrãozinho”! Sonhe, Realize. Quando você investe na educação de mulheres e incentiva meninas a vencerem, isso faz a diferença!
Parabéns, Raquel, que você realize grandes voos!


Comentários para "Uma modelo para a Organização das Nações Unidas":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Bienal do Livro lança de edital voltado para pessoas com deficiência

Bienal do Livro lança de edital voltado para pessoas com deficiência

Certame faz alusão ao Dia Internacional da Pessoa com Deficiência

Pinakotheke Cultural de São Paulo traz mostra inédita de Lygia Clark

Pinakotheke Cultural de São Paulo traz mostra inédita de Lygia Clark

Exposição vai ficar aberta ao público até 15 de janeiro de 2022

Graciela Nienov é eleita  presidente do PTB em Convenção Nacional

Graciela Nienov é eleita presidente do PTB em Convenção Nacional

Eleição do Diretório Nacional

Jovens vanguardistas na adoção dos sobrenomes das suas esposas: Lucas Vicente Vieira e Felipe Vital

Jovens vanguardistas na adoção dos sobrenomes das suas esposas: Lucas Vicente Vieira e Felipe Vital

- Você sabia que o marido pode adotar ou misturar o sobrenome da esposa?

A educação redentora: Isto deve ser coisa de preto!

A educação redentora: Isto deve ser coisa de preto!

Como afirmou Nelson Mandela, “a educação é a arma mais poderosa contra o racismo”.

Revista científica publica artigo da educadora Maria José Rocha Lima sobre desvalorização do magistério

Revista científica publica artigo da educadora Maria José Rocha Lima sobre desvalorização do magistério

A revista científica Núcleo do Conhecimento Multidisciplinar publicou, em seis idiomas, artigo científico da educadora brasileira Maria José Rocha Lima (Zezé), contendo análise crítica sobre a política de desvalorização do magistério no Brasil.

Nova agenda pela primeira infância no Distrito Federal

Nova agenda pela primeira infância no Distrito Federal

É uma oportunidade para o governador tomar para si a prerrogativa de fixar a data da abertura da Semana do Bebê.

Projeto Curta Maria alcança 1,2 mil jovens na 14ª Jornada

Projeto Curta Maria alcança 1,2 mil jovens na 14ª Jornada

O Curta Maria foi objeto de monografia de conclusão de Curso de Bacharelado em Direito, no Paraná

Projetos de vida, uma injeção de sonho na educação

Projetos de vida, uma injeção de sonho na educação

“Projetos de Vida”, que será oferecida a todos os alunos do ensino médio, em nível nacional.

Volta às aulas na escola pública, um gigantesco desafio

Volta às aulas na escola pública, um gigantesco desafio

O Brasil contava, em 2018, com 181.939 escolas de educação básica. Desse total, a rede municipal é responsável por aproximadamente dois terços das escolas (60,6%), seguida da rede privada (22,3%).

Curta Maria + 1.000 jovens

Curta Maria + 1.000 jovens

O projeto terá um novo objetivo: produzir pesquisa do perfil socioeconômico dos mil jovens atendidos, visando oferecer à Secretaria de Cultura identificação dos setores criativos, seus possíveis impactos e oportunidades para os participantes.