×
ContextoExato

Após protestos, Evo Morales recua e anuncia novas eleições na Bolívia

Após protestos, Evo Morales recua e anuncia novas eleições na BolíviaFoto: Estadão

Incêndio na casa da irmã de Evo

Diário Do Piauí - 10/11/2019 - 09:45:28

O presidente da Bolívia, Evo Morales, anunciou na manhã deste domingo (10) que decidiu renovar os membros do Tribunal Superior Eleitoral e convocar novas eleições. A decisão aconteceu depois que a Secretaria-Geral da OEA pediu a anulação do primeiro turno das eleições da Bolívia, realizadas há três semanas e qualificadas de fraudulentas pela oposição. Além disso, o órgão internacional pediu novas eleições.

“O primeiro turno das eleições realizado em 20 de outubro passado deve ser anulado e o processo eleitoral deve começar novamente, efetuando-se o primeiro turno assim que existirem novas condições que deem novas garantias para sua realização, entre elas uma nova composição do órgão eleitoral”, diz o comunicado.

Incêndio na casa da irmã de Evo

Evo Morales, que vem sofrendo protestos no país, denunciou, neste sábado 9, que a casa de sua irmã na região de Oruro (sul) foi incendiada por “grupos irregulares” no âmbito de um plano para derrubá-lo. “Denunciamos e condenamos ante a comunidade internacional (…) que o plano de golpe fascista executa atos violentos com grupos irregulares que incendiaram a casa de governadores de Chuquisaca e Oruro e a da minha irmã nesta cidade”, escreveu o presidente no Twitter.

Imagens que circulam nas redes mostram a casa de Esther Morales, irmã mais velha do mandatário, queimando parcialmente depois de que uma multidão a incendiou. A casa de Víctor Hugo Vásquez, governador de Oruro (sul do país), foi atacada também por supostos opositores que a incendiaram.

Comentários para "Após protestos, Evo Morales recua e anuncia novas eleições na Bolívia":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório