×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 30 de junho de 2022

Biogás ganha protagonismo no setor de energia do Brasil através de investimentos e novas regulações

Biogás ganha protagonismo no setor de energia do Brasil através de investimentos e novas regulaçõesFoto: Reprodução Pixabay gratuita

Segundo associações de gás brasileiras, 25 novas usinas têm orçamento de mais de R$ 55 bilhões para, até 2030, ofertar 30 milhões de m3/dia do combustível. O biogás também é uma alternativa para volatilidade do preço do óleo diesel.

Agência Sputnik De Noticias - 19/05/2022 - 09:08:19

Em meio a tantas mudanças no setor global de energia, tanto pela situação geopolítica atual quanto pela busca por alternativas, o biogás começa a ter relevância na área seja pela própria geração de energia ou de combustível.

No Brasil, o biocombustível também inicia seu protagonismo e começa a dar passos importantes, como a parceria formada entre a Associação Brasileira de Distribuidoras de Gás Canalizado (Abegás) e a Associação Brasileira do Biogás (ABiogás).

De acordo com o jornal Valor Econômico, as duas entidades formaram um grupo de trabalho para desenvolver ações que impulsionem a injeção de biometano (biogás com altos níveis de pureza) na rede das distribuidoras.

Segundo a gerente executiva da ABiogás, Tamar Roitman citada pela mídia, 25 novas usinas já anunciadas têm investimentos da ordem de R$ 60 bilhões até 2030 para ofertar 30 milhões de m3/dia.

Ao mesmo tempo, dados do CIBiogás, um centro de referência do biocombustível, mostram crescimento exponencial da fonte nos últimos cinco anos: em 2017 eram 271 usinas, que passaram para 755 em 2021, com oferta de 2,3 bilhões de m3 de biogás.

Outras ações que tem contribuído para o destaque do combustível no país são mudanças na regulação. Por exemplo, o marco regulatório da micro e minigeração distribuída, em vigor desde 2012 e atualizado em 2021, viabilizando geradoras a biogás, que recebem créditos ao injetar eletricidade na rede das distribuidoras.

Ao mesmo tempo, a Raizen, empresa de energia brasileira, anunciou recentemente a construção da segunda unidade de biogás – a primeira dedicada ao biometano – a partir da vinhaça e da torta de filtro, resíduos da produção de etanol, relata o jornal.

Localizada em Piracicaba (SP) a unidade terá capacidade de produzir 26 milhões de m3 por ano, o suficiente para atender a 200 mil residências. A produção da Raizen já foi vendida para Yara Brasil Fertilizantes e para a Volkswagen, ambos em contratos de longo prazo.

De acordo com Roitman da ABiogás e Marcelo Mendonça, diretor de Estratégia e Mercado da Abegás citados pela mídia, a injeção de biometano também visa atrair um outro segmento, o de transporte pesado, hoje impactado pela volatilidade do preço do óleo diesel.

"Com mais infraestrutura para distribuição, certamente vai ampliar o interesse, é uma expectativa crescente dos dois lados [produtor e distribuidor]", completa Roitman.

As três principais fontes de produção do biogás são resíduos e dejetos da agropecuária, da indústria (produtora de restos orgânicos) e do saneamento, com os aterros sanitários e esgoto. Destes, a agropecuária responde pela maior parte do fornecimento.

A busca pelo biogás também chega em um momento em que muitas empresas procuram reduzir emissões de gases de efeito estufa.

Comentários para "Biogás ganha protagonismo no setor de energia do Brasil através de investimentos e novas regulações":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Brasil tem 3 entregas voluntárias de crianças para adoção a cada dia

Brasil tem 3 entregas voluntárias de crianças para adoção a cada dia

Dados do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) mostram que de 2020 a maio deste ano foram registradas 2.734 entregas desse tipo

Brasil perde duas crianças menores de 5 anos por dia devido à Covid-19

Brasil perde duas crianças menores de 5 anos por dia devido à Covid-19

Em 2022, até o dia 11 de junho, houve 291 mortes na mesma faixa, com uma média diária de 1,8 falecimentos.

Brasil tem pelo menos sete estupros por hora; vítimas de até 14 anos são maioria

Brasil tem pelo menos sete estupros por hora; vítimas de até 14 anos são maioria

Segundo Juliana, estudos da área apontam que a violência sexual é o tipo de violência mais subnotificada no mundo.

PJs de micro e pequenas empresas batem recorde de abertura

PJs de micro e pequenas empresas batem recorde de abertura

Pandemia também impactou na abertura e fechamento de CNPJs

Conselho federal investiga enfermeira que ameaçou vazar dados de vítima de estupro

Conselho federal investiga enfermeira que ameaçou vazar dados de vítima de estupro

Ação veio depois de denúncia pública feita pela vítima, que engravidou após abuso sexual e encaminhou bebê para adoção

ANS suspende temporariamente comercialização de 70 planos de saúde

ANS suspende temporariamente comercialização de 70 planos de saúde

Segundo a ANS, os usuários atuais dos planos suspensos não serão prejudicados e poderão usufruir do serviço normalmente.

Profissionais mais velhos relatam preconceito de empresas

Profissionais mais velhos relatam preconceito de empresas

Moraes conta que tem participado de concursos públicos e tido boas colocações

'Racismo é traço marcante da sociedade brasileira', diz Lauretino Gomes

'Racismo é traço marcante da sociedade brasileira', diz Lauretino Gomes

E, ao contrário de outros países cuja segregação era determinada por lei, no Brasil é tão estruturado que dispensa qualquer apoio legal

IBGE: Desembargador derruba liminar sobre inclusão de questão LGBT+ no Censo

IBGE: Desembargador derruba liminar sobre inclusão de questão LGBT+ no Censo

No último dia 9, o instituto informou em comunicado ter acionado a Advocacia Geral da União (AGU) para recorrer da decisão liminar

Em seis meses, Brasil já registra 130% mais mortes por dengue

Em seis meses, Brasil já registra 130% mais mortes por dengue

A incidência é de 550 casos por 100 mil habitantes. A doença é transmitida pela picada do Aedes aegypti.

Empresas reduzem embalagens e qualidade para repassar custos

Empresas reduzem embalagens e qualidade para repassar custos

A alta da inflação no Brasil nos últimos dois anos têm levado a cada vez mais empresas, de diversos setores, a adotar esse tipo de prática.