×
ContextoExato
Responsive image

Nota da ABI sobre a ameaças contra Aroeira e Ricardo Noblat

Nota da ABI sobre a ameaças contra Aroeira e Ricardo NoblatFoto: Tv Cultura

Aroeira e Noblat têm, neste momento, a defesa incondicional da ABI.

Paulo Jeronimo - Presidente Da Abi - 15/06/2020 - 18:39:33

Sobre a tortura: “Eu defendo a tortura; vocês sabem disso. O erro foi torturar e não matar. Se tivessem matado mais gente teria sido melhor.”
Sobre o país: “Só vai mudar com guerra civil, matando uns 30 mil.”
Sobre honestidade: “Eu sonego imposto. Sonego o que for possível.”
Sobre a Amazônia: “A Amazônia não é do Brasil. Devemos entregá-la aos Estados Unidos porque não sabemos explorá-la.”
As frases acima são uma pequena amostra das barbaridades ditas por Jair Bolsonaro ao longo de sua carreira. Elas dão bem uma ideia do que é o presidente.

Por isso, é estarrecedor que o ministro da Justiça, André Luiz Mendonça, anuncie a abertura de um inquérito policial contra o chargista Aroeira e o colunista Ricardo Noblat, devido a uma ilustração criada pelo primeiro e reproduzida pelo segundo, associando Bolsonaro ao nazismo.

A aversão à crítica é própria das ditaduras e dos candidatos a ditador.

No entanto, as ameaças não calarão os defensores da liberdade de imprensa e da democracia.

Aroeira e Noblat têm, neste momento, a defesa incondicional da ABI.

Paulo Jeronimo
Presidente da ABI

Comentários para "Nota da ABI sobre a ameaças contra Aroeira e Ricardo Noblat":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório