×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 21 de maio de 2022

Pozzobon: fim da prisão em 2ª instância “constrangerá o Brasil” na OCDE

Pozzobon: fim da prisão em 2ª instância “constrangerá o Brasil” na OCDEFoto: Pública

Ele fez uma ressalva, porém:

Judiciário Antagonista - 14/12/2019 - 18:00:40

No Twitter, procurador da República Roberson Pozzobon, integrante da Lava Jato em Curitiba, afirmou que o fim da prisão após condenação em segunda instância é motivo de constrangimento para o Brasil na comunidade internacional.

Pozzobon compartilhou uma reportagem que tratava das cobranças da OCDE ao Brasil sobre a decisão do STF — o país terá de dar explicações à organização, em março de 2020, diante dos outros 43 membros do grupo.

Segundo o procurador, o fim da prisão em segunda instância “constrangerá o Brasil perante a comunidade internacional”.


“Creio que, se o Brasil tiver que explicar que por aqui podem ser necessárias QUATRO instâncias para um condenado por corrupção ser preso, alguns países nem sequer entenderiam”, tuitou Pozzobon.

Ele fez uma ressalva, porém:

“A parte boa é que, até março de 2020, dá tempo, e sobra, para o Congresso aprovar as medidas para retomar a necessária prisão em segunda instância no Brasil.”

Comentários para "Pozzobon: fim da prisão em 2ª instância “constrangerá o Brasil” na OCDE":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Pandemia evidencia violação de direitos humanos na agropecuária

Pandemia evidencia violação de direitos humanos na agropecuária

Antes da crise sanitária, 19,2% do total de pessoas empregadas na América Latina já estava em emprego rural

Biogás ganha protagonismo no setor de energia do Brasil através de investimentos e novas regulações

Biogás ganha protagonismo no setor de energia do Brasil através de investimentos e novas regulações

Segundo associações de gás brasileiras, 25 novas usinas têm orçamento de mais de R$ 55 bilhões para, até 2030, ofertar 30 milhões de m3/dia do combustível. O biogás também é uma alternativa para volatilidade do preço do óleo diesel.

Mais de 20% de médicos recém-formados migram para outros estados

Mais de 20% de médicos recém-formados migram para outros estados

'A migração interna de médicos é determinada por questões econômicas, sociais e demográficas, há fatores individuais e profissionais associados à decisão de mudar', afirma Mauro Ribeiro, presidente do CFM

Grupo MM fala dos desafios do mercado de eventos na retomada ao mundo presencial

Grupo MM fala dos desafios do mercado de eventos na retomada ao mundo presencial

O desafio agora, segundo Meire é reformatar o mercado, a partir das novas ferramentas e tecnologias que foram criadas durante a pandemia

Ibama remove servidor que investigou maus tratos a girafas no RJ; Categoria denuncia retaliação

Ibama remove servidor que investigou maus tratos a girafas no RJ; Categoria denuncia retaliação

Mudança de cargo foi determinada por militar indicado por Bolsonaro; servidores veem desmonte da fiscalização

Projeto visa criar florestas economicamente sustentáveis

Projeto visa criar florestas economicamente sustentáveis

No projeto, o planejamento de restauro das florestas originais das comunidades atendidas já foi iniciado.

Com 500 resgatados neste ano, número de vítimas do trabalho escravo supera 58 mil desde 1995

Com 500 resgatados neste ano, número de vítimas do trabalho escravo supera 58 mil desde 1995

Mais de 70% dos resgatados são do setor rural; dos trabalhadores encontrados neste ano, 95% são homens

Movimentos populares criam programa Brasil de Todas as Cores por direitos da população LGBTQIA+

Movimentos populares criam programa Brasil de Todas as Cores por direitos da população LGBTQIA+

Documento elaborado por mais de 20 organizações tem objetivo de auxiliar na construção de políticas públicas

Com incertezas externas, fusões e aquisições passam por desaceleração

Com incertezas externas, fusões e aquisições passam por desaceleração

No ano passado, um total de 1.627 transações de fusão e aquisição ocorreram no País - avanço de 46% em relação a 2020

Quatro em cada dez brasileiros estão inadimplentes

Quatro em cada dez brasileiros estão inadimplentes

O total de inadimplentes, hoje, não é uma marca recorde. O maior contingente foi de 63,08 milhões, atingido em novembro de 2018, segundo a série do SPC Brasil, iniciada em janeiro de 2015.

Livro de Pochmann aborda abandono de projetos de país e ‘cancelamento do futuro’

Livro de Pochmann aborda abandono de projetos de país e ‘cancelamento do futuro’

Professor e economista reflete sobre transformações truncada do país e sua reprodução de um “passado trágico”