×
ContextoExato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 16 de dezembro de 2018


Roda de Conversa debate a condição da mulher no mundo contemporâneo

Roda de Conversa debate a condição da mulher no mundo contemporâneo

Para debater o assunto foram convidadas a pesquisadora da Embrapa Elisa Wandelli, militante de movimentos sociais e ambientalistas; e a educadora social Katia Regina Barreto Lima do Consulado da Mulher

Da Ascom Inpa/ayrton Hugo - 06/03/2018 - 19:42:17

Como parte das comemorações ao Dia Internacional da Mulher (8 de março), o Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCTIC) realiza, nesta quarta-feira (7), a primeira Roda de Conversa do ano. O tema desta edição é “A condição da mulher no mundo contemporâneo”. A conversa acontecerá às 15h, na Sala de Estudos da Biblioteca, no Campus I  do Inpa, com entrada pela Rua Bem-te-vi, s/nº, Petrópolis, zona Sul de Manaus.

Para debater o assunto foram convidadas a pesquisadora da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) Elisa Wandelli, militante de movimentos sociais e ambientalista; e a educadora social Katia Regina Barreto Lima do Instituto Consulado da Mulher - uma ação social da marca Consul com o objetivo de assessorar empreendimentos populares protagonizados por mulheres com aporte de conhecimentos e recursos que viabilizem geração de renda e qualidade de vida. 

De acordo com a idealizadora e coordenadora do ciclo de debates, a pesquisadora Rita Mesquita, titular da Coordenação de Extensão (Coext), as perspectivas do evento para este ano é que a Roda de Conversa no Inpa continue se consolidando como um espaço democrático de conversas sobre temas de interesse e que ajude a comunidade do Instituto a construir opiniões bem informadas sobre assuntos contemporâneos. 

“Estamos abertos a sugestões provenientes da comunidade interna, e sempre que possível temos buscado atendê-las”, disse Mesquita.

Sobre o Dia da Mulher

Segundo uma das colaboradoras do grupo de mobilizadores da Roda de Conversa, Denise Gutierrez, coordenadora de Tecnologia Social, como no  dia 8 será comemorado o Dia Internacional da Mulher, o Inpa aproveitará a data do dia 7 para fazer a comemoração na Roda. 

Gutierrez explica que o Dia da Mulher surgiu como uma luta das mulheres no final do século X e início do século XX nos Estados Unidos e na Europa, no contexto das reivindicações femininas por melhores condições de vida e trabalho, e pelo direito de voto. “Esse dia vem marcado fortemente pela oposição à subjugação e inferiorização da mulher e pela busca de liberdade e exercício cidadão”, diz.

Ainda segundo Gutierrez, que é psicóloga, a Roda de Conversa será um reconhecimento da importância social da mulher na sociedade e na ciência, sem pieguismo ou romantismo ingênuo, e da luta pela igualdade de gênero. 

Para Gutierrez, é importante notar que, embora se tenha avançado tanto na área da ciência e tecnologia e obtido uma maior inclusão das mulheres em diversos espaços sociais, ainda vivemos num país muito desigual, onde as mulheres ganham menos que os homens, em funções semelhantes, e muito frequentemente enfrentam dupla jornada de trabalho, responsabilização pela felicidade da família e criação solitária dos filhos. 

“Pensar a questão das mulheres, seu protagonismo em diversas áreas e os desafios ainda a serem vencidos é fundamental”, destaca Gutierrez. “Aproximar homens e mulheres ao redor desse tema é importante para qualquer instituição articulada e preocupada com as realidades locais e brasileiras”, complementa.

Sobre A Roda de Conversa

A Roda de Conversa é uma iniciativa da Coordenação de Extensão (Coext) sob a responsabilidade da pesquisadora Rita Mesquita. O objetivo do evento é estimular o debate sobre assuntos de interesse da comunidade, buscando a construção de uma visão mais cidadão sobre assuntos em foco.  

Os encontros acontecem na segunda quarta-feira de cada mês, às 15h, na Sala de Estudos da Biblioteca do Inpa. Nesta edição excepcionalmente será na primeira semana do mês.

Comentários para "Roda de Conversa debate a condição da mulher no mundo contemporâneo":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório