×
ContextoExato

Romero Britto junta-se à ONU para promover biodiversidade brasileira

Romero Britto junta-se à ONU para promover biodiversidade brasileiraFoto: BRITTO Studios

Exposição "Jaguar Parade" é inspirada na onça pintada que corre risco de extinção.

Romero Britto/ Onu News - 30/09/2020 - 19:42:35

São espécies que estão ficando extintas pelo fato de ninguém estar a prestar atenção. Por isso é muito importante essa conscientização

Artista participa de exibições que destacam a beleza da onça-pintada, que corre risco de extinção, e é tida como um dos símbolos da biodiversidade no Brasil; evento que começou em São Paulo terminará em Nova Iorque, em 2021, percorrendo várias cidades das Américas

O mundo está vivenciando altos níveis de perda de biodiversidade por várias causas. Conhecida como o complexo de formas de vida envolvendo plantas, animais e micro-organismos, a biodiversidade e sua proteção são motivo de preocupação de líderes internacionais.

Na quarta-feira, várias personalidades incluindo o príncipe Charles, o herdeiro da coroa britânica, lançaram um apelo por mais iniciativas de proteção em todo o mundo.

Apelo global

A urgência de ações chamou a atenção de mais de 20 artistas, entre eles o brasileiro Romero Britto. Ele contou à ONU News, de seu estúdio da Flórida, que decidiu se juntar às Nações Unidas num apelo global para salvar as onças-pintadas, símbolo da biodiversidade no Brasil.

No próximo ano, Romero Britto colocará sua arte à disposição de uma exibição internacional que começou em São Paulo e terminará em Nova Iorque. Batizado de Jaguar Parade, o evento é inspirado no animal que corre risco de extinção.

Britto explica que a exposição quer chamar a atenção para a degradação da fauna silvestre, em especial da onça-pintada.

BRITTO Studios

Trabalho do artista brasileiro quer chamar a atenção para a degradação da fauna silvestre, em especial da onça-pintada.

Matas

ONU News (ON): Qual a sensação de partilhar a sua experiência nesta iniciativa, Romero Britto?

Romero Britto (RB): Acho que, antes de mais nada, é a importância do meio ambiente e de toda a cadeia do meio ambiente. Onde todos os animais, os seres e as vegetações estão tão interligados. Eu acho importante que esses animais, que precisam de ajuda, possam ser preservados.

Com todo esse movimento que nós, os humanos, estamos fazendo nesse planeta, ao mesmo tempo há coisas que ajudam e que prejudicam. Não só nos prejudicam, mas aos animais indefesos que não podem fazer nada. Também as matas estão sendo devastadas e outras coisas estão acontecendo. No meio ambiente, esses animais estão perdendo mais e mais espaço. Acho que é importante a conscientização das pessoas e só com projetos como esse, a gente pode levar a conscientização ao grande público.

As pessoas que estão morando em cidades como Nova Iorque, Paris, Londres e São Paulo não estão sabendo o que está acontecendo no meio da mata ou o prejuízo de todos os dias, ocorrendo aos pouquinhos, chega ao ponto de termos muitos animais em perigo hoje em dia. São espécies que estão ficando extintas pelo fato de ninguém estar a prestar atenção. Por isso é muito importante essa conscientização.

BRITTO Studios

Romero Britto participa de exibições que destacam a beleza da onça-pintada, que corre risco de extinção, e é tida como um dos símbolos da biodiversidade no Brasil.

Amazônia e Pantanal

ON: Exatamente no Brasil, em áreas como a Amazônia e o Pantanal onde agora estão ocorrendo grandes incêndios. Secas estão também a assolar essas áreas. Como é que espera que este seu trabalho tenha impacto em pessoas nesse ambiente, mas também em todo mundo. Pessoas por exemplo que compram suas obras de arte como é que pode fazer chegar até elas esta mensagem?

RB: Eu acho que pessoas que colecionam, ou não colecionam minha arte, ou que estejam numa cidade, por exemplo, como em Paris, estão adquirindo uma peça de um design usando couro de animal eu acho que aí a conscientização é outra história.

Há pessoas que dizem ‘não quero comprar nada com pele de um animal’. Para outras pessoas, isso é uma coisa legal, mas não para os animais que estão quase em extinção. Muita gente, no mercado hoje em dia, tem mais poder de adquirir coisas muito exclusivas que no passado. Então, a demanda é muito maior de produtos com couro de animal. Não somente para os meus patrocinadores, mas para o grande público em geral que na maioria das vezes está adquirindo esses artefatos, na área da moda, onde muitas vezes é usado o couro do animal, é essencial a conscientização e a importância da preservação para as futuras gerações. Para que elas possam ver em algum lugar uma foto de um animal que ainda existe no planeta.

BRITTO Studios

Romero Britto decidiu se juntar às Nações Unidas num apelo global para salvar as onças-pintadas, símbolo da biodiversidade no Brasil.

ON: E o que dizer mais sobre este desfile ou Parada do Jaguar que começa em 2021. Espera algo em particular para si e para a sua carreira?

RB: É uma realização pessoal. Como artista, a minha ideia é poder dividir minha arte com as pessoas. Espero que minha arte possa ser fonte de inspiração entre pessoas, em uma pessoa ou entre um grupo de pessoas. E é sempre um desejo fazer algo muito especial e participar de um projeto como esse na Amazônia e passar uma ideia positiva. Isso é importante fazer através da minha arte. Este é realmente um projeto especial. Por isso é que eu estou participando.

ON: Romero Britto para aos países de língua portuguesa, como seu exemplo pode ajudar artistas a se envolverem mais com a natureza e com a conservação?

RB: Acho que não só para artistas, mas todas as pessoas, todos os cidadãos e crianças. Acho importantíssimo que crianças, jovens possam interagir mais e ver a importância da natureza na nossa vida no dia a dia. Eu espero que esse projeto possa trazer inspiração para as pessoas e que estas possam entender a importância de animais e da natureza em nossas vidas, Isso é importante.

ON: E a última palavra: espera participar em mais projetos iguais?

RB: Espero que sim. E é importante o papel da ONU no cenário global mundial para lidar com as coisas que às vezes poucas organizações têm o prestígio fazer. Eu sempre fico contente por participar em qualquer coisa que a ONU está tocando.

Comentários para "Romero Britto junta-se à ONU para promover biodiversidade brasileira":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório