×
ContextoExato
Responsive image

Santos Cruz cobra ação unificada do governo: "A população não pode ficar insegura"

Santos Cruz cobra ação unificada do governo: Foto: O Antagonista

Por que a cloroquina desperta tantas paixões?

O Antagonista - 15/04/2020 - 16:32:43

O general Santos Cruz foi às redes sociais e fez críticas ao governo de Jair Bolsonaro por não adotar uma ação unificada no enfrentamento ao novo coronavírus.

No post, publicado no Facebook e replicado no Twitter, o ex-ministro escreve que “qualquer crise exige liderança e coordenação”. “Quanto maior a crise, maior a necessidade de liderança, definição de responsabilidade, coordenação e harmonia”, afirma.

“O distanciamento social recomendado mundialmente para ganhar tempo e não sobrecarregar as instalações do sistema de saúde altera drasticamente a rotina de vida. Essa medida tem sido adotada mundialmente e tem apresentado resultados”, diz Santos Cruz.

Leia também: Por que a cloroquina desperta tantas paixões?

Mais adiante, sem citar o nome de Bolsonaro, o general defende que “qualquer pessoa investida de responsabilidade governamental” siga as orientações determinadas pelo próprio governo em relação à pandemia.

“O descumprimento das recomendações do governo por qualquer pessoa investida de responsabilidade governamental, com comportamento oposto ao recomendado por ele mesmo, traz insegurança, cria conflitos, dá mau exemplo de coordenação e dificulta a avaliação da população para conciliar suas necessidades de proteção da vida e do retorno ao trabalho, às atividades econômicas e ao relacionamento social”, afirma

E mais:

“O Presidente da República é a autoridade máxima em nosso país. Ele tem o poder de decidir e a responsabilidade das decisões. Se o presidente não é a favor da adoção de determinados procedimentos, ele tem a obrigação de não permitir a divulgação. Não deve haver autorização para divulgar orientações e procedimentos que ele mesmo não acredita e desautoriza. Nada impede um presidente de substituir um ministro ou um auxiliar em função de confiança e isso pode ser feito perfeitamente dentro da ética. Se a autoridade tem convicção do que quer, substitui, nomeia alguém que justifica a sua linha de pensamento, justifica, dá ordens e orientações claras, assume a responsabilidade e ‘assina embaixo’ da sua diretriz.”

Comentários para "Santos Cruz cobra ação unificada do governo: "A população não pode ficar insegura"":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório