×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 24 de janeiro de 2022

América do Sul transforma-se em região livre de tabaco em lugares públicos

América do Sul transforma-se em região livre de tabaco em lugares públicosFoto: Unsplash/fotografierende

Com decreto aprovado por Paraguai, fumo em espaços públicos fechados e locais de trabalho passou a ser proibido em toda a região; produto continua sendo a principal causa evitável de morte no mundo com cerca de 8 milhões de mortes por ano.

Onu News - 12/01/2021 - 14:17:42

A Organização Pan-Americana da Saúde, Opas, felicitou o Paraguai por proibir o uso de produtos de tabaco em espaços públicos fechados bem como em áreas externas lotadas.

Com o decreto aprovado em dezembro, o país juntou-se às demais nações sul-americanas no cumprimento da Convenção-Quadro da Organização Mundial da Saúde, OMS, para o Controle do Tabaco.

Enorme passo

A diretora da Opas, Carissa F. Etienne, disse que “esta é uma grande conquista para o povo do Paraguai.”

Segundo ela, “o país deu um enorme passo para proteger seus cidadãos das consequências arrasadoras para a saúde assim como sociais, ambientais e econômicas do fumo e da exposição à fumaça do tabaco.”

Pelo novo decreto, fumar cigarros, normais ou eletrônicos, apenas é permitido em espaços públicos abertos e que não sejam áreas de trânsito para não fumantes.

Problema

A chefe do Secretariado da Convenção-Quadro da OMS sobre o tema, Adriana Blanco, disse que “este é um grande momento não só para a saúde dos paraguaios, mas para toda a região da América do Sul.”

Ambientes livres de fumaça protegem as pessoas da exposição ao tabaco, encorajam a elas a pararem de fumar e também desanimam indivíduos de consumir tabaco, principalmente crianças e jovens.

Segundo o Ministério da Saúde do Paraguai, a cada ano, 3 mil pessoas morrem no país devido a doenças associadas ao produto. Além disso, a pandemia de Covid-19 demonstrou as consequências do uso do tabaco na saúde.

A chefe da Opas lembrou que “fumar aumenta o risco de desenvolver a Covid-19 de forma grave” e, por isso, “agora, mais do que nunca, o decreto do Paraguai é um triunfo para a saúde dos paraguaios.”

Mundo

O tabaco é a principal causa evitável de morte em todo o mundo. Segundo a OMS, mata cerca de 8 milhões de pessoas por ano.

Mais de 40% dos óbitos relacionados ao tabaco são provocados por doenças pulmonares como câncer, enfermidades respiratórias crônicas e tuberculose.

Cerca de 3,3 milhões de consumidores e pessoas expostas ao fumo passivo morreram de doenças pulmonares em 2017.

O fumo passivo tira a vida de mais de 60 mil crianças com menos de cinco anos. Aquelas que vivem até a idade adulta são mais propensas a desenvolver doença pulmonar obstrutiva crônica em períodos posteriores do seu desenvolvimento.

Comentários para "América do Sul transforma-se em região livre de tabaco em lugares públicos":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Em 24 horas, o Brasil registrou mais 135.080 casos de Covid-19

Em 24 horas, o Brasil registrou mais 135.080 casos de Covid-19

Total de óbitos chegou a 296 no mesmo período

Nova Zelândia impõe novas restrições em meio a avanço da variante Ômicron

Nova Zelândia impõe novas restrições em meio a avanço da variante Ômicron

A chamada fase vermelha da resposta do país à pandemia inclui medidas como exigência do uso de máscaras e limites de pessoas em encontros. As restrições entram em vigor nesta segunda-feira.

Brasil tem mais de 200 mil novos casos de covid e 332 mortes nas últimas 24 horas

Brasil tem mais de 200 mil novos casos de covid e 332 mortes nas últimas 24 horas

O Ministério da Saúde informou que no total, segundo a pasta, são 21.848.302 pessoas recuperadas.

Brasil registra mais de 168 mil novos casos de covid e 392 mortes nas últimas 24h

Brasil registra mais de 168 mil novos casos de covid e 392 mortes nas últimas 24h

Os dados diários do Brasil são do consórcio de veículos de imprensa formado por Estadão, G1, O Globo, Extra, Folha e UOL em parceria com 27 secretarias estaduais de Saúde, em balanço divulgado às 20h

Infecções pela covid disparam no Brasil; mortes também registram alta

Infecções pela covid disparam no Brasil; mortes também registram alta

Em várias partes do Brasil, gestores públicos e laboratórios privados têm dificuldades para conseguir mais exames.

Brasil registra 350 óbitos por Covid-19 em 24h ante 174 há uma semana, diz Conass

Brasil registra 350 óbitos por Covid-19 em 24h ante 174 há uma semana, diz Conass

A média móvel de novos registros nos últimos sete dias chegou a 110.047 casos.

Nicolelis: “Com a taxa de transmissão que ela tem, a ômicron vai sufocar os sistemas de saúde

Nicolelis: “Com a taxa de transmissão que ela tem, a ômicron vai sufocar os sistemas de saúde

Médico e cientista, Nicolelis coordenou o Comitê Científico do Consórcio Nordeste

Brasil atinge recorde ao superar 200 mil casos diários de Covid-19 em 24h

Brasil atinge recorde ao superar 200 mil casos diários de Covid-19 em 24h

O total de casos de covid-19 chega a 23.416.748 desde o início da pandemia, de acordo com o Conass.

Pressão da Ômicron em seguradoras dependerá de gravidade da cepa diz Fitch

Pressão da Ômicron em seguradoras dependerá de gravidade da cepa diz Fitch

Um cenário adverso, segundo a Fitch, teria um aumento do número de internações por covid no País ao mesmo tempo em que procedimentos eletivos continuariam. Essa combinação elevaria a sinistralidade do setor.

França aprova passaporte vacinal e Djokovic poderá ser barrado em Roland Garros

França aprova passaporte vacinal e Djokovic poderá ser barrado em Roland Garros

A lei foi aprovada no domingo pela Assembleia Nacional da França

Covid abalou democracia em mais da metade dos países da América Latina

Covid abalou democracia em mais da metade dos países da América Latina

A América Latina concentra um terço das mortes por covid no mundo