×
ContextoExato
Responsive image

Após decisão do STF a favor de Deltan, Aras pede 'mais respeito' ao CNMP

Após decisão do STF a favor de Deltan, Aras pede 'mais respeito' ao CNMPFoto: O Antagonista

Em seu discurso, o PGR afirmou que “não há ninguém acima da Constituição”.

O Antagonista - 18/08/2020 - 19:19:04

Em evento do CNJ nesta terça-feira (18), Augusto Aras pediu “mais respeito” ao Conselho Nacional do Ministério Público e seu papel de fiscalizar procuradores.

Em seu discurso, o PGR afirmou que “não há ninguém acima da Constituição”.

“Urge que todos os poderes prestigiem, reconheçam e fortaleçam tanto o Conselho Nacional de Justiça quanto o Conselho Nacional do Ministério Público como órgãos de cúpula que só se submetem ao Supremo Tribunal Federal, para organizar os seus serviços e para não permitir que eventuais abusos de seus membros venham a ocorrer impunemente”, declarou Aras.

Leia também:

Vídeo: Resgate da Lava Jato por Celso de Mello é aula de independência

STF envia investigação contra Onyx à primeira instância e acordo com PGR pode ser revisto

Aras não vai desistir

Ambição por vaga no STF pode estilhaçar Ministério Público, diz professor

O procurador-geral da República não mencionou a decisão de Celso de Mello suspendendo dois processos administrativos no CNMP que tinham Deltan Dallagnol como alvo.

Mas nem precisava. Como se sabe, Aras vai continuar trabalhando para acabar de uma vez com a Lava Jato.

Comentários para "Após decisão do STF a favor de Deltan, Aras pede 'mais respeito' ao CNMP":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório