×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 22 de maio de 2022

Covid-19: MP do DF recomenda maior controle da notificação de casos pelas unidades de saúde

Covid-19: MP do DF recomenda maior controle da notificação de casos pelas unidades de saúdeFoto: Secretaria de Comunicação do MPDFT

Durante a reunião, os participantes também lembraram que, em 14 de abril, o MPDFT completou 60 anos de história em Brasília

Secretaria De Comunicação Do Mpdft - 15/04/2020 - 18:57:14

Uma recomendação destinada aos gestores das unidades básicas de saúde e aos diretores dos hospitais públicos cobra a formalização da notificação de pacientes com suspeita e confirmação da Covid-19, além da necessidade de acompanhar, por 48h, os pacientes que retornam para casa. Essa e outras iniciativas do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) foram reportadas na reunião da força-tarefa realizada nesta terça-feira, 14 de abril.

O documento enviado às unidades de saúde na segunda-feira, 13 de abril, sinaliza que o Ministério Público está atento ao atendimento oferecido à população. De acordo com a 5ª versão do Plano de Contingência do DF para Infecção Humana pelo novo coronavírus (Covid-19), elaborado pela Secretaria de Saúde, casos confirmados e suspeitos que fazem do grupo de risco, ou seja, idosos, pessoas com doenças respiratórias e crônicas, gestantes e puérperas, devem ter monitoramento domiciliar do paciente e de seus contatos familiares a cada 48h. O que está sendo cobrado pelos promotores de Justiça é que as determinações estabelecidas no plano sejam efetivamente cumpridas, sob pena de responsabilização.

Fiscalização da saúde e isolamento social
Representantes da Promotoria de Justiça de Defesa da Saúde (Prosus) também anunciaram na reunião que vão acompanhar o conserto dos respiradores da rede pública de saúde que estão danificados e a instalação das unidades de terapia intensiva (UTI) anunciadas pelo governo.

Durante o encontro, o grupo falou ainda da importância de se avaliar o impacto das medidas de isolamento e as novas determinações do governo local que permitiram a retomada de algumas atividades comerciais. Para o MPDFT, a reabertura da economia deve seguir critérios técnicos e científicos. A fim de compreender o que justificou o novo decreto, foi expedido ofício ao GDF com pedido de esclarecimentos. Também foram requisitadas informações à Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan) sobre o impacto de cada setor da economia local na circulação de pessoas e de veículos.

Políticas de assistência social
Outra frente de atuação da força-tarefa é a adoção de medidas para reforçar o acompanhamento das políticas de assistência social. O Núcleo de Direitos Humanos (NDH) e as Promotorias Regionais de Defesa do Patrimônio Público estão trabalhando conjuntamente para articular ações voltadas ao funcionamento dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras), dos Centros de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), dos Centros de Atenção Psicossocial (CAPs) e das unidades de pronto atendimento (UPAs), locais muito procurados pela população em situação de vulnerabilidade.

As medidas tomadas para a realização dos sepultamentos sociais foram mais uma vez debatidas no encontro dos membros da força-tarefa. As promotorias de Justiça que acompanham o tema reportaram que os órgãos competentes ainda não estão totalmente estruturados para a demanda que deve surgir.

Esta foi a sexta reunião da força-tarefa do MPDFT no enfrentamento à Covid-19. O grupo coordenado pelo procurador distrital dos Direitos do Cidadão, José Eduardo Sabo, é integrado pelas promotorias de Justiça que atuam nas áreas de saúde, educação, patrimônio público, idoso, meio ambiente, infância e juventude, consumidor, direitos humanos e sistema prisional. Clique aqui e saiba mais sobre a atuação da força-tarefa do MPDFT. Acesse também a lista completa das ações do MPDFT para a prevenção e o enfrentamento à pandemia do novo coronavírus no DF.

60 anos do MPDFT em Brasília
Na abertura da reunião, a procuradora-geral de Justiça do Distrito Federal e Territórios, Fabiana Costa, recordou que nesta terça-feira, 14 de abril, o MPDFT completa 60 anos em Brasília. “O grupo de trabalho representa a força do Ministério Público na defesa dos direitos coletivos do cidadão e na proteção à vida. Estamos unidos pelo objetivo de fazer a diferença e de levar esperança à população do Distrito Federal”, enfatizou. Para celebrar a data, a instituição programou várias atividades até o fim deste ano.

Comentários para "Covid-19: MP do DF recomenda maior controle da notificação de casos pelas unidades de saúde":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
MP do DF quer informações sobre leitos de UTI e campanha para incentivar vacinação contra a Covid-19

MP do DF quer informações sobre leitos de UTI e campanha para incentivar vacinação contra a Covid-19

Secretaria de Saúde deverá informar, no prazo de dez dias, sobre o legado dos leitos de UTI pós-pandemia. MPDFT também solicita campanha de conscientização sobre vacinação

Donos de cachorros de grande porte são condenados por ataque

Donos de cachorros de grande porte são condenados por ataque

A decisão foi unânime.

Moradores de rua do DF tem abrigo provisório para noites de frio

Moradores de rua do DF tem abrigo provisório para noites de frio

São 100 vagas para pernoite das 20h às 8h, por ordem de chegada

Distrito Federal recebe projeto pioneiro para reciclagem de bituca de cigarro

Distrito Federal recebe projeto pioneiro para reciclagem de bituca de cigarro

Com apoio da Administração do Plano Piloto e do SLU, empresa paulista instalou 100 coletores; iniciativa foi apresentada no Museu da Limpeza Urbana

Projeto 'Conte lá que eu canto cá' se apresenta para estudantes do DF

Projeto 'Conte lá que eu canto cá' se apresenta para estudantes do DF

O grupo ainda quer mais. Uma das metas para próximas temporadas é inserir no repertório novos autores e compositores e mira o olhar para as culturas do Norte e Sul do país.

Distrito Federal registra um estupro de vulnerável por dia

Distrito Federal registra um estupro de vulnerável por dia

No 1º trimestre, 82,2% dos casos de violência sexual contra crianças e adolescentes aconteceram no ambiente familiar

Servidores da CGU decidem entrar em greve a partir de 30 de maio

Servidores da CGU decidem entrar em greve a partir de 30 de maio

Com essa decisão, o número de carreiras em greve sobe para quatro

Aumento de casos por covid faz cidades voltarem a recomendar uso de máscara

Aumento de casos por covid faz cidades voltarem a recomendar uso de máscara

O Brasil registrou 115 novas mortes pela covid na quinta-feira, 19. A média móvel de vítimas, que elimina distorções entre dias úteis e fim de semana, está em 113. O índice permanece acima de 100 pelo sexto dia consecutivo.

Temperaturas sobem um pouco, mas frio permanece no fim de semana

Temperaturas sobem um pouco, mas frio permanece no fim de semana

Tempestade Subtropical Yakecan se afastou do continente

Passageiros de ônibus no DF ganham direito de desembarque livre após as 21h

Passageiros de ônibus no DF ganham direito de desembarque livre após as 21h

Autor do projeto que deu origem à nova lei, o deputado Rafael Prudente defende o ganho em segurança resultante da possibilidade de parada livre para os usuários do transporte público

Policiais e bombeiras do DF têm direito a horário para amamentação por dois anos

Policiais e bombeiras do DF têm direito a horário para amamentação por dois anos

Proteger a lactante foi a intenção de Abrantes, que argumentou ainda pela isonomia de direitos com as demais corporações da segurança pública.