×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 24 de outubro de 2021

Dono da Gol assina delação premiada confessando propina

Dono da Gol assina delação premiada confessando propinaFoto: Gol-Divulgação

Em troca de pagamento de 7,07 milhões de reais a políticos do MDB incluindo Michel Temer, Caixa liberou empréstimos a empresas do grupo

Exame - 14/05/2019 - 07:34:32

Henrique Constantino, cofundador e membro da família que controla a companhia aérea Gol, assinou um acordo de delação premiada com o Ministério Público Federal confessando o pagamento de propina a políticos em troca de financiamentos da Caixa Econômica Federal para suas empresas, segundo o jornal O Globo. As ações da Gol despencaram 7%, para 23,71 reais, na bolsa brasileira B3 hoje.

De acordo com o jornal, o acordo, que é sigiloso, foi assinado em 25 de fevereiro e homologado pelo juiz Vallisney de Oliveira, da 10ª. Vara Federal do Distrito Federal.

Na delação, Henrique confessou ter pago, em 2012, 7,07 milhões de reais ao operador financeiro Lúcio Funaro. O dinheiro seria repassado a políticos do MDB incluindo Geddel Vieira Lima, na época era vice-presidente do departamento de pessoa jurídica da Caixa, e o então vice-presidente da República Michel Temer. A negociação também envolveu os então deputados Eduardo Cunha (MDB-RJ) e Henrique Eduardo Alves (MDB-RN), que participaram de uma reunião na qual a propina foi pedida.

Em troca, o banco liberou um financiamento de 300 milhões de reais do fundo de investimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FI-FGTS) para a concessionária de rodovias Via Rondon e de uma cédula de crédito bancário de 50 milhões de reais para a Oeste Sul Empreendimentos Imobiliários. As duas empresas são de propriedade da família Constantino.

Henrique não ocupa atualmente nenhum cargo de liderança na Gol e nem na administradora do programa de fidelidade da companhia aérea, a Smiles. Seus irmãos Constantino Junior, Joaquim e Ricardo são diretores de ambas as empresas. A título de reparação pelos crimes cometidos contra a Caixa, Henrique se comprometeu a pagar 70,7 milhões de reais ao banco.

Procurada pelo jornal, a equipe de defesa de Temer disse que desconhece o depoimento. Os advogados de Cunha e Alves negaram as acusações. A de Lima não respondeu.

Comentários para "Dono da Gol assina delação premiada confessando propina":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
'Nada pode me limitar ou definir', diz a modelo com síndrome de Down

'Nada pode me limitar ou definir', diz a modelo com síndrome de Down

O sonho de ser modelo, ela relata, começou aos 16 anos, quando foi internada com meningite bacteriana e ficou dez dias em coma.

Inquérito que investiga loja da Zara por abordagem racista será enviado ao MP

Inquérito que investiga loja da Zara por abordagem racista será enviado ao MP

Segundo as investigações da polícia, o gerente cometeu atitude discriminatória contra a delegada Ana Paula Barroso, que é negra no último dia 14 de setembro.

Campanha da ONU chama atenção para direitos das crianças refugiadas

Campanha da ONU chama atenção para direitos das crianças refugiadas

Quase 1 milhão de crianças nasceram como refugiadas entre 2018 e 2020

Mulher acusada de homofobia em padaria de SP é condenada a indenizar balconista

Mulher acusada de homofobia em padaria de SP é condenada a indenizar balconista

"Ainda que a ré seja incapaz, sobre o que não produziu sequer começo de prova, tal condição não afasta sua responsabilidade pelos prejuízos a que der causa", observou a juíza.

Distribuição de absorventes faz cair evasão escolar

Distribuição de absorventes faz cair evasão escolar

A "pobreza menstrual" era um tema de pouca repercussão na época e não motivava projetos de lei como hoje, a exemplo do vetado nesta semana pelo presidente Jair Bolsonaro. E passava longe de ser associado ao cotidiano de meninas.

Fachin manda União distribuir testes de covid e máscaras N95 entre quilombolas

Fachin manda União distribuir testes de covid e máscaras N95 entre quilombolas

Em decisões anteriores, Fachin já havia determinado à União que apresentasse as medidas sanitárias relativas à covid-19 nas comunidades quilombolas

Coletivo vai mapear cultura LGBTQI+ do Distrito Federal

Coletivo vai mapear cultura LGBTQI+ do Distrito Federal

Prazo para repostas ao mapeamento é até 17 de dezembro - Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil

Dia Internacional promove educação e maior consciência da não-violência

Dia Internacional promove educação e maior consciência da não-violência

Selo emitido pela Administração Postal da ONU com uma pintura de Mahatma Gandhi de Ferdie Pacheco em Comemoração do Dia Internacional da Não-Violência

ONU quer agir rápido em favor da igualdade de gêneros na liderança global

ONU quer agir rápido em favor da igualdade de gêneros na liderança global

Apenas 18 mulheres discursaram nos debates de alto nível da Assembleia Geral em 2021

Refugiados LGBTQIA+ no Brasil enfrentam discriminação, violência e desemprego

Refugiados LGBTQIA+ no Brasil enfrentam discriminação, violência e desemprego

Refugiados venezuelanos são registrados na Polícia Fedral de Boa Vista para emissão e regularização de documentos.

Senador Contarato dá aula a quem não merece um segundo de fama

Senador Contarato dá aula a quem não merece um segundo de fama

O Zé Ninguém