×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 23 de setembro de 2021

Embaixador chinês e acadêmicos apresentam edição especial brasileira da revista China HojeFoto: Reprodução

Embaixador chinês e acadêmicos apresentam edição especial brasileira da revista China Hoje

Em um evento online, uma edição especial da revista China Hoje, dedicada ao tema da governança da China sob a liderança do presidente Xi Jinping

Portal Xinhua De Noticias - 23/06/2021 - 15:18:01

O embaixador da China no Brasil, Yang Wanming, e destacados acadêmicos brasileiros apresentaram nesta terça-feira, em um evento online, uma edição especial da revista China Hoje, dedicada ao tema da governança da China sob a liderança do presidente Xi Jinping.

A revista, lançada no contexto do centenário da fundação do Partido Comunista da China (PCC), que se celebra no próximo dia 1º de julho, inclui análises de pesquisadores brasileiros sobre socialismo com características chinesas da nova era.

Coordenado pelo jornalista Alfredo Nastari, responsável pela edição brasileira da China Hoje, o evento forneceu uma reflexão sobre os vínculos dos dois países e a relevância dos estudos sobre a realidade chinesa.

Yang Wanming ressaltou que isso engloba as principais ideias estratégicas do partido e do Estado da China em setores de reforma, desenvolvimento e estabilidade de políticas internas, externas, defesa nacional, bem como sobre o Estado, o Partido e as Forças Armadas.

Por sua vez, o ex-ministro da Defesa e da Ciência e Tecnologia e ex-presidente da Câmara dos deputados do Brasil Aldo Rebelo destacou a firmeza das relações sino-brasileiras e sua importância para o mundo.

"A China não é só o país que mais cria riqueza no mundo, como também é o país que mais distribui riqueza, que mais consegue retirar pessoas da linha da pobreza, que mais consegue elevar a renda dos trabalhadores", ressaltou.

Rabelo destacou que as relações entre os dois países têm estabilidade e sentido de continuidade, superando turbulências passageiras, com múltiplos laços que vão além da diplomacia governamental.

"As relações entre Brasil e China estão assentadas em fundações e cimentos muitos sólidos que não serão afetados por essas turbulências", assegurou.

"O Brasil tem hoje na China seu principal parceiro para enfrentar a pandemia. Foi com a China que produzimos o maior número de vacinas, é da China que adquirimos os insumos necessários para enfrentar a pandemia no Brasil", enfatizou.

Evandro Carvalho, professor de direito internacional, coordenador do núcleo de estudos Brasil-China da Fundação Getulio Vargas, e editor-chefe da revista China Hoje, destacou:

"As conquistas econômicas e sociais da China são indissociáveis da liderança do Partido Comunista, que completa 100 anos de fundação neste 1º de julho".

"É necessário lançar luz sobre aquilo que o Ocidente insiste em deixar na escuridão, ou não quer admitir: que o Partido Comunista da China é o principal responsável pela revitalização da Nação chinesa", assegurou.

Na mesma linha, a professora Karin Costa Vazquez, pesquisadora da Universidade Fudan e consultora sênior da Organização das Nações Unidas (ONU), disse que se trata de um momento de celebração.

"Celebrar não apenas os 100 anos do Partido Comunista da China, e de um país que hoje lidera a tecnologia de ponta, manda astronautas ao espaço, que erradica a pobreza extrema e que pratica a liderança com harmonia, mas também celebrar o diálogo", afirmou.

"É entender e traduzir a China para nossa realidade no Brasil que necessitamos enfocar cada vez mais, de agora em diante", acrescentou.

A edição especial da revista China Hoje com análises de destacados acadêmicos e jornalistas brasileiros estará disponível para todo o público interessado, de forma gratuita, no site http://www.chinahoje.net/.

Comentários para "Embaixador chinês e acadêmicos apresentam edição especial brasileira da revista China Hoje":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório