×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 27 de outubro de 2021

Pesquisa do Unicef aponta os impactos da pandemia na saúde mental dos adolescentes

Pesquisa do Unicef aponta os impactos da pandemia na saúde mental dos adolescentesFoto: Divulgação

No ranking, o Brasil aparece em oitavo lugar entre os países com mais deprimidos

Redação Com Educa Mais Brasil - 05/10/2021 - 16:03:38

O Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) divulgou ontem (4) o relatório Situação Mundial da Infância 2021 - Na minha mente: promovendo, protegendo e cuidando da saúde mental das crianças. A pesquisa aponta que em média, um em cada cinco (19%) adolescentes e jovens de 15 a 24 anos no mundo todo vivem deprimidos ou com pouco interesse em fazer as suas demandas rotineiras.

Além disso, estima-se também que globalmente, mais de um em cada sete meninos e meninas com idade entre 10 e 19 anos viva com algum transtorno mental diagnosticado e que quase 46 mil adolescentes morrem por suicídio a cada ano, uma das cinco principais causas de morte nessa faixa etária.

Os números alarmantes são apenas uma prévia da pesquisa internacional com crianças e adultos em 21 países conduzida pelo Unicef em parceria com a Gallup. Foram entrevistadas aproximadamente 20 mil pessoas, por telefone, em 21 países. Os resultados completos serão divulgados em novembro.

O Brasil também está entre os países com entrevistados pela pesquisa. No nosso caso, a porcentagem de pessoas deprimidas na faixa etária em análise é maior que a média, sendo 22% dos adolescentes e jovens de 15 a 24 anos que afirmaram se sentirem, muitas vezes, deprimidos ou sem interesse. O país ficou em oitavo lugar no ranking dos 21 países. Camarões aparece em primeiro lugar, com uma porcentagem de 32%. Em último lugar, está o Japão, com 10%.

“O país fica em um patamar preocupante, mas não é o pior. Há países que não têm instituições fortalecidas nem políticas públicas com o histórico que tem o Brasil”, ressalta a oficial do Unicef no Brasil na área de Desenvolvimento de Adolescentes, Gabriela Mora.

Para Gabriela, é importante valorizar as políticas públicas e as instituições que já vêm trabalhando nessa questão, ampliando a oferta de serviços psicológicos em todo o país. Ela reforça ainda que é preciso que diversas áreas se organizem, incluindo assistência social, educação e saúde, para oferecer atendimento e encaminhamento adequado àqueles que precisarem.

Pandemia fez aumentar urgência em discutir tema

O relatório destaca que todo esse cenário já era preocupante antes da pandemia, mas foi intensificado por ela. De acordo com o Unicef, pelo menos uma em cada sete crianças foi diretamente afetada por lockdowns, enquanto mais de 1,6 bilhão de crianças sofreram alguma perda relacionada à educação.

Outros aspectos como a ruptura com as rotinas, a recreação e a preocupação com a renda familiar e com a saúde dos familiares na pandemia estão deixando muitos jovens com medo, irritados e preocupados com seu futuro.

“Ainda é um tabu falar de saúde mental. A pandemia nos trouxe a urgência desse tema, de quebrar esse tabu e de falar de forma acolhedora, de fomentar espaços de escuta de crianças e adolescentes. É importante levar a sério. Quando [crianças e adolescentes] estão passando por um sofrimento, escutar, reconhecer isso e dar o apoio necessário”, conclui Grabriela Mora.

Comentários para "Pesquisa do Unicef aponta os impactos da pandemia na saúde mental dos adolescentes":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Baseado em fatos reais: Livro conta histórias inspiradoras

Baseado em fatos reais: Livro conta histórias inspiradoras

Projeto Pretinhas Leitoras incentiva educação através da leitura

Inep prorroga prazo de inscrição para certificadores do Enem 2021

Inep prorroga prazo de inscrição para certificadores do Enem 2021

Profissionais cuidam da aplicação da avaliação

Prorrogado o período de matrícula na rede pública de ensino do DF

Prorrogado o período de matrícula na rede pública de ensino do DF

Escola Parque da 308 Sul, no Plano Piloto.

Condenados por ocupar reitoria, estudantes da UFSCar lançam

Condenados por ocupar reitoria, estudantes da UFSCar lançam "vaquinha" para pagar indenização

A advogada Bibiana Barreto Silveira, que assumiu a defesa dos estudantes, aponta o direito constitucional à livre manifestação, sobretudo por se tratar de uma ocupação pacífica

Retorno das aulas presenciais motivou alunos nos estudos, mostra pesquisa

Retorno das aulas presenciais motivou alunos nos estudos, mostra pesquisa

Para os pais, estudantes estão evoluindo melhor nas aulas presenciais

Reta final: Enem será aplicado em um mês; conteúdo gratuito auxilia na revisão

Reta final: Enem será aplicado em um mês; conteúdo gratuito auxilia na revisão

Khan Academy, plataforma educacional, disponibiliza material para estudo

Google encerra inscrições para curso gratuito de tecnologia nessa sexta (22/10)

Google encerra inscrições para curso gratuito de tecnologia nessa sexta (22/10)

As aulas estão previstas para ocorrer entre 8 de novembro e 19 de dezembro

Rede de hamburguerias seleciona universitários para programa de trainee

Rede de hamburguerias seleciona universitários para programa de trainee

Programa Trainee Burger King e Popeyes 2022 recebe inscrições até o dia 21/10

Escolas planejam pós-pandemia com natureza, convivência e tecnologia

Escolas planejam pós-pandemia com natureza, convivência e tecnologia

A escola, que fica em meio à natureza na zona norte, viu a procura aumentar por causa dos espaços abertos. “Antes, tinha pai que reclamava que as crianças pegariam friagem.”

Pesquisa mostra confiança da população mundial nos professores; profissão ficou em 1º lugar

Pesquisa mostra confiança da população mundial nos professores; profissão ficou em 1º lugar

Instituto Ipsos ouviu mais de 19 mil entrevistados em 28 países

Cursos gratuitos profissionalizantes para as mulheres

Cursos gratuitos profissionalizantes para as mulheres

Inscrição para o projeto Jornada da Mulher Empreendedora, no Itapoã, é gratuita e pode ser feita até 22 de outubro pelo site da Secretaria de Trabalho