×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 27 de outubro de 2021

Professores e policiais do Distrito Federal se revoltam após exclusão da lista prioritária de vacinação

Professores e policiais do Distrito Federal se revoltam após exclusão da lista prioritária de vacinaçãoFoto: NATALIA KOLESNIKOVA - CorreioWeb

Eles discordam da decisão da Secretaria de Saúde em mudar o Plano Estratégico e Operacional da Imunização contra a Covid-19 no DF

Manoela Alcântara - Metrópoles - 15/01/2021 - 06:28:50

Sindicatos e associações de policiais civis, militares e bombeiros e de professores repudiaram a exclusão das categorias do grupo prioritário de vacinação contra a Covid-19. Eles discordam da decisão da Secretaria de Saúde ( SES-DF ) em mudar o Plano Estratégico e Operacional da Vacinação no Distrito Federal.

Na quarta-feira (13/1), a pasta excluiu do cronograma inicial da imunização docentes e profissionais das forças de segurança e de salvamento. No total, 78.275 trabalhadores dessas categorias ficarão de fora das primeiras vacinas.

“Queremos o retorno das aulas presenciais, mas com toda segurança, testagem e vacinação dos profissionais da educação”, afirmou o diretor do Sindicato dos Professores (Sinpro-DF) Samuel Fernandes.

Veja vídeo:



Por meio de nota, o Sindicato dos Delegados de Polícia do DF (Sindepo) argumentou que as forças de segurança pública estão na linha de frente do combate à pandemia e expostas diariamente ao risco de contaminação.

“Os servidores policiais permaneceram à disposição da sociedade durante todo o período emergencial. A impossibilidade de aplicação de regras de isolamento social aos servidores policiais determina a nossa submissão a índices de contaminação muito superiores aos da população em geral”, ressaltou a entidade em texto de protesto.

Segundo o Sindepo, na PCDF há, até os dias atuais, 526 servidores contaminados, o que corresponde a aproximadamente 13,5% do efetivo. “O Ministério da Saúde indica que esse índice é 3,8% na população brasileira, ou seja, os policiais civis do DF têm 3,5 vezes mais riscos de contaminação que um cidadão brasileiro comum”, diz a nota.

Assim, a entidade afirmou que “não é minimamente razoável a exclusão dos servidores da segurança pública do grupo prioritário de vacinação”.

Veja o que diz o presidente do Sindepo, Rafael Sampaio:



O Sindicato dos Policiais Civis (Sinpol) também é contra a exclusão. “A importância de incluir a polícia no grupo é um serviço essencial, contato constante com as pessoas, com aglomerações. Desde o início da pandemia, tivemos centenas de policiais que testaram positivo para a Covid, dois morreram. Estamos vulneráveis”, afirmou o vice-presidente do Sinpol-DF, Enoque Venancio.

O argumento da SES-DF para a exclusão dos profissionais da etapa inicial foi que a pasta está seguindo os parâmetros do Plano Nacional de Vacinação, estabelecido pelo Ministério da Saúde.

Plano

Por meio de nota, a Secretaria de Saúde informou que as fases do plano de vacinação foram definidas pelo Ministério da Saúde. “O plano inicial do ministério previa quatro fases. Com a mudança no plano nacional para três fases, a Secretaria de Saúde atualizou o documento. Ao mesmo tempo, definiu, de forma mais detalhada, as estratégias e ações para a vacinação contra a Covid-19”, disse a pasta.

O Plano Estratégico e Operacional da Vacinação contra a Covid-19, com as etapas detalhadas, está disponível no link: http://www.saude.df.gov.br/wp-conteudo/uploads/2021/01/Plano-Operacional-de-Vacinacao-Contra-a-Covid.pdf




Comentários para "Professores e policiais do Distrito Federal se revoltam após exclusão da lista prioritária de vacinação":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Guedes chama ministro Marcos Pontes de burro e diz que no Brasil não falta dinheiro, e sim, gestão

Guedes chama ministro Marcos Pontes de burro e diz que no Brasil não falta dinheiro, e sim, gestão

Titular da Economia critica gestão do ministro de Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, a quem se referiu como "o astronauta". Segundo mídia, Guedes também teria feito um autoquestionamento sobre o que ele próprio estava fazendo no governo.

CPI da Covid-19 pede punição de Jair Bolsonaro no relatório final

CPI da Covid-19 pede punição de Jair Bolsonaro no relatório final

Donald Trump: Brasil 'é sortudo' por ter Bolsonaro

Eduardo Braga usa CPI como palanque para 2022 e Wilson Lima vê sabotagem contra seu governo

Eduardo Braga usa CPI como palanque para 2022 e Wilson Lima vê sabotagem contra seu governo

Wilson Lima e Eduardo Braga devem disputar o Governo do Estado nas eleições de 2022

Marcelo Ramos vota contra PEC dos Precatórios e defende pagamento integral aos professores

Marcelo Ramos vota contra PEC dos Precatórios e defende pagamento integral aos professores

Vice-presidente da Câmara, Marcelo Ramos, é autor da Lei que destina 60% do Fundef aos profissionais da educação

Com protesto na porta, Queiroga dá palestra sem público em faculdade de Lisboa

Com protesto na porta, Queiroga dá palestra sem público em faculdade de Lisboa

Desde cedo a polícia marcou presença no local, mas não houve incidentes.

Tribunal de Contas da União quer inspecionar Palácio do Planalto sobre orçamento secreto

Tribunal de Contas da União quer inspecionar Palácio do Planalto sobre orçamento secreto

Diferentemente de uma investigação formal do Ministério Público ou da Polícia Federal, porém, o tribunal não pode apreender computadores ou tomar depoimentos.

Vacina não dá Aids: Depois do Facebook, Youtube também retira do ar live de Bolsonaro

Vacina não dá Aids: Depois do Facebook, Youtube também retira do ar live de Bolsonaro

Jair Bolsonaro (sem partido): live removida do Facebook e do You Tube por propagar mentiras

Renan Calheiros pede expulsão de Bolsonaro de redes sociais

Renan Calheiros pede expulsão de Bolsonaro de redes sociais

Petrobras questiona governo federal sobre existência de estudos para privatização

Guedes: Como pode o país que menos polui ser o mais agredido internacionalmente?

Guedes: Como pode o país que menos polui ser o mais agredido internacionalmente?

Quando pegamos os fluxos de poluição, o Brasil tem 1,7%, a Europa tem 15%, os Estados Unidos têm 15% e a China tem 30%.

Deputados apresentam notícia-crime contra Bolsonaro por live sobre aids e vacina

Deputados apresentam notícia-crime contra Bolsonaro por live sobre aids e vacina

A afirmação mentirosa foi desmentida por cientistas de todo o mundo. O vídeo foi retirado do ar pelo Facebook e pelo Instagram.

Bolsonaro e Guedes convocam imprensa e atacam Lula e Pacheco em tentativa de conter crise

Bolsonaro e Guedes convocam imprensa e atacam Lula e Pacheco em tentativa de conter crise

"A gente vai sair junto, fica tranquilo. Bem lá na frente", disse Bolsonaro sobre ele e Guedes