×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 05 de dezembro de 2021

Antes do adeus à seleção, Formiga vê cenário promissor à nova geração

Antes do adeus à seleção, Formiga vê cenário promissor à nova geraçãoFoto: Reprodução Twitter

Volante espera que atletas sigam lutando por melhorias na modalidade

Por Lincoln Chaves - Repórter Da Tv Brasil E Rádio Nacional - São Paulo - 25/11/2021 - 08:33:39


Ícone do futebol feminino brasileiro, Formiga vestirá a camisa da seleção canarinho pela última vez nesta quinta-feira (25), contra a Índia, pelo Torneio Internacional de Manaus. A bola rola às 22h (horário de Brasília), na Arena da Amazônia. A competição amistosa também reúne Chile e Venezuela.



"Comecei a me emocionar hoje, então não faço ideia de como será amanhã [risos]. A expectativa é sempre boa. Espero que tudo aconteça da melhor maneira possível e que todos se emocionem comigo, que aproveitem bem o dia e sigam apoiando a seleção nessa transição", projetou a camisa 8, em entrevista coletiva nesta quarta-feira (24), por videoconferência.


A convocação da técnica Pia Sundhage simboliza a transição a qual Formiga se refere. As meias Angelina, Ary Borges, Ana Vitória (todas 21 anos) e Ivana Fuso (20 anos) integram uma nova geração que busca espaço na seleção nacional. Angelina, inclusive, desponta como sucessora direta da veterana, tendo até vestido a camisa 8 nos amistosos de setembro, contra a Argentina, em João Pessoa e Campina Grande (PB).

"Eu acredito muito nestas meninas que estão chegando agora, tendo a oportunidade de trabalhar com uma treinadora de um currículo invejável. Espero que elas também tenham esse comprometimento, pois a luta continua. Ela não para por aqui. Há muito o que conquistar. Temos uma base, algo pelo qual lutamos bastante, então temos que lapidar os diamantes. Que elas construam história na seleção, que seja linda, tenham êxito e conquistem o respeito de todos", disse a volante.

Foram 26 anos defendendo a amarelinha, com nove conquistas: três medalhas de ouro em Jogos Pan-Americanos (2003, 2007 e 2015) e seis Copas América (1995, 1998, 2003, 2010, 2014 e 2018). Formiga, porém, tem a prata olímpica de 2004, em Atenas (Grécia), como principal lembrança da carreira pelo Brasil. Ela também fez parte do elenco vice-campeão quatro anos depois, nos Jogos de Pequim (China).

"Tenho várias memórias, mas uma que, com certeza, fica para todo o sempre é a conquista da nossa primeira medalha. Ainda mais vendo o crescimento do futebol feminino, é algo para ter guardado da melhor maneira possível. E se pudesse fazer um quadro com outro momento, sem dúvidas, seria o de hoje, vendo tantas meninas ganharem espaço, sem a dificuldade do passado", concluiu a camisa 8, que tem contrato com o São Paulo até dezembro do ano que vem.

Depois do jogo contra a Índia, o Brasil encara a Venezuela neste domingo (28), às 21h (horário de Brasília). A última partida pelo Torneio Internacional de Manaus será na próxima quarta-feira (1º de dezembro), também às 21h, diante do Chile. O evento amistoso é disputado em formado de quadrangular, em que as quatro seleções jogam entre si. A campeã será aquela que somar mais pontos após as três rodadas.






Comentários para "Antes do adeus à seleção, Formiga vê cenário promissor à nova geração":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Assédio é principal violência a meninas e mulheres em ambiente virtual

Assédio é principal violência a meninas e mulheres em ambiente virtual

Dados são do estudo inédito Violência Real do Mundo Virtual

Quarteto feminino bate recorde mundial de natação master na prova do revezamento

Quarteto feminino bate recorde mundial de natação master na prova do revezamento

Time verde e amarelo cravou 8min42s32 no revezamento 4x200 livre

Peng Shuai: China mostra irritação com suspensão de torneios de tênis

Peng Shuai: China mostra irritação com suspensão de torneios de tênis

Relações Exteriores diz ser contra politização do esporte

Justiça do DF condena dono de empresa que cometeu assédio contra funcionária

Justiça do DF condena dono de empresa que cometeu assédio contra funcionária

A defesa do réu argumentou que ele deveria ser absolvido pois não haviam provas para incriminá-lo.

Ações para eliminar violência de gênero reúne atletas e casos reais

Ações para eliminar violência de gênero reúne atletas e casos reais

Uma em cada três mulheres com 15 anos ou mais, cerca de 736 milhões, é submetida algum tipo de violência durante a vida

Ação de agências da ONU pretende empoderar refugiadas venezuelanas

Ação de agências da ONU pretende empoderar refugiadas venezuelanas

Programa ocorre em Roraima e vai até dezembro de 2023

Carta aberta à Miraildes: Uma das maiores jogadoras que o Brasil já viu em campo

Carta aberta à Miraildes: Uma das maiores jogadoras que o Brasil já viu em campo

Miraildes, jogadora de futebol, mais conhecida como Formiga.

Judô: Beatriz Souza fica com o ouro no Grand Slam de Abu Dhabi

Judô: Beatriz Souza fica com o ouro no Grand Slam de Abu Dhabi

Brasileira bate francesa campeã europeia júnior e vai ao topo do pódio

Ketleyn Quadros fica com o bronze no Grand Slam de Abu Dhabi

Ketleyn Quadros fica com o bronze no Grand Slam de Abu Dhabi

Atleta bateu a tcheca Renat Zachova e foi ao pódio nos Emirados Árabes

Professor que perguntou se aluna vai levar lubrificante 'quando for estuprada' é demitido no PA

Professor que perguntou se aluna vai levar lubrificante 'quando for estuprada' é demitido no PA

Movimentos que atuam na defesa dos direitos das mulheres realizaram atos de repúdio, cobrando punição do agressor

Congresso é iluminado de laranja pelo fim da violência contra a mulher

Congresso é iluminado de laranja pelo fim da violência contra a mulher

Campanha 16 dias de ativismo começou nesta quinta-feira