×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 26 de setembro de 2021

Brasil registrou a segunda maior saída de dólares da história do país em 2020, com cerca de 28 bilhõesFoto: Pixabay

Brasil registrou a segunda maior saída de dólares da história do país em 2020, com cerca de 28 bilhões

Segundo o Banco Central, houve uma saída de US$ 35 bilhões entre fevereiro e maio do ano passado devido à pandemia da COVID-19

Xinhua News - 08/01/2021 - 09:30:55

A retirada de dólares da economia brasileira em 2020 superou a entrada da mesma moeda em US$ 27,923 bilhões, a segunda maior perda de recursos da história do Brasil, superada apenas pelos US$ 44,768 bilhões que deixaram o país em 2019, informou o Banco Central do Brasil nesta quarta-feira.

A entrada de dólares ocorre quando os investidores enviam dinheiro ao Brasil para pagar pela compra de produtos brasileiros ou para realizar investimentos financeiros na Bolsa ou em empresas. Ao contrário, o dólar sai quando esses investidores retiram recursos do Brasil para aplicá-los geralmente em outros países.

Apesar da saída menor de recursos do Brasil em 2020, comparado com 2019, o dólar registrou uma forte valorização no ano passado em relação ao real, terminando com um aumento de 29%, cotado em 5,19 reais por dólar. Em 2019, a moeda norte-americana tinha subido 3,5%.

Segundo o Banco Central, houve uma saída de US$ 35 bilhões entre fevereiro e maio do ano passado devido à pandemia da COVID-19.

Não obstante, desde junho, houve uma entrada de recursos para aplicações em ações e fundos de investimento, além de títulos de renda fixa, no valor de cerca de US$ 25 bilhões.

Ao mesmo tempo, houve uma entrada menor de recursos no país para investimentos produtivos. Os investimentos estrangeiros diretos na economia brasileira, de janeiro a novembro de 2020 totalizaram US$ 33,428 bilhões, inferior aos US$ 66,350 bilhões que ingressaram no mesmo período em 2019.

Por outro lado, o comportamento da balança comercial contribuiu na direção oposta, para uma entrada de recursos no país. No ano passado, o superavit da balança comercial (exportações menos importações) somou US$ 50,995 bilhões, contra US$ 48,036 bilhões no ano anterior.

Comentários para "Brasil registrou a segunda maior saída de dólares da história do país em 2020, com cerca de 28 bilhões":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório