×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 18 de janeiro de 2022

Presidente português diz que endividamento é "inevitável"

Presidente português diz que endividamento é Foto: Reprodução

Em entrevista à emissora pública Rádio Antena 1, Rebelo de Sousa disse que "quando não há outro remédio", o dinheiro emprestado é como "tem de ser".

Xinhua News - 15/01/2021 - 15:50:05

O presidente português, Marcelo Rebelo de Sousa, disse na quinta-feira que o aumento do endividamento do seu país é "inevitável" em resultado da pandemia de COVID-19 e das medidas de reativação da economia.

Em entrevista à emissora pública Rádio Antena 1, Rebelo de Sousa disse que "quando não há outro remédio", o dinheiro emprestado é como "tem de ser".

O impacto da pandemia pesa fortemente nas economias em todo o mundo e Portugal não é exceção. Antes do início de COVID-19, há um ano, Portugal registrava o 25º trimestre de crescimento ininterrupto e o seu orçamento do Estado era superavitário pela primeira vez em quase meio século. O país também teve uma sólida recuperação do programa austero de resgate prescrito pela União Europeia (UE) e o Fundo Monetário Internacional (FMI).

Segundo Rebelo de Sousa, "até agora" a compreensão dos mercados internacionais "tem sido surpreendente". Portugal tem sido elogiado pela sua resposta eficiente à crise de 2009 e até à primeira onda da pandemia.

"Quer dizer, os credores estão a acreditar na capacidade de gerir o orçamento e de não entrar numa perda irreversível, em termos de dívida pública", disse ele na quinta-feira.

No entanto, o dano econômico causado pelas ondas recorrentes da pandemia do coronavírus pode ser demais para o país suportar. De acordo com o presidente, o custo de COVID-19 pode muito bem ultrapassar os 12,9 bilhões de euros (US$ 15,7 bilhões) que Portugal deverá receber do EU Recovery and Resilience Facility e os empréstimos adicionais no valor de 15,7 bilhões de euros, que poderá também ser acessado voluntariamente.

"Se a pandemia se agravar ao ritmo que já está a agravar, isto significa prolongar a crise", disse Rebelo de Sousa.

Na sexta-feira, Portugal vai entrar no seu nono decreto de estado de emergência desde o início da pandemia COVID-19. As novas restrições são semelhantes às impostas durante a primeira onda de coronavírus na primavera passada.

Comentários para "Presidente português diz que endividamento é "inevitável"":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Portugal registra maior número de mortes diárias pela Covid-19 em 10 meses

Portugal registra maior número de mortes diárias pela Covid-19 em 10 meses

O número de pacientes internados, no entanto, permaneceu inalterado em 1.699, com 162 em unidades de terapia intensiva.

Campanha eleitoral começa em Portugal em meio a restrições por Covid-19

Campanha eleitoral começa em Portugal em meio a restrições por Covid-19

A votação elegerá 230 parlamentares para a Assembleia Republicana, o parlamento de Portugal. Os parlamentares votarão então em quem forma um governo.

Portugal: Fundo Ambiental financia em 60 milhões de euros o Programa de Apoio a Edifícios Mais Sustentáveis

Portugal: Fundo Ambiental financia em 60 milhões de euros o Programa de Apoio a Edifícios Mais Sustentáveis

O Plano de Recuperação e Resiliência conta com um total de 135 milhões de euros para aplicar, até 2025, na eficiência energética dos edifícios.

Preocupações portuguesas integradas Bússola Estratégica da União Europeia

Preocupações portuguesas integradas Bússola Estratégica da União Europeia

Ministro também se congratulou com a «recusa absoluta» por todos os Estados-membros da União Europeia das tentativas da Rússia para dividir a União Europeia quanto à atitude perante as ameaças russas à Ucrânia.

Novembro foi o melhor mês para as exportações de vinhos do Porto e Douro desde 2019

Novembro foi o melhor mês para as exportações de vinhos do Porto e Douro desde 2019

De janeiro a novembro de 2021, as exportações de vinho registaram um crescimento de 3,8% em volume, de 8,6% em valor e de 4,6% em preço médio, em comparação com o período homólogo.

Embraer vende duas fábricas em Portugal para espanhola Aernnova por US$ 172 mi

Embraer vende duas fábricas em Portugal para espanhola Aernnova por US$ 172 mi

Também a companhia explica que a transação se insere no plano de otimização de ativos, para "maximizar o uso de unidades e melhorar a rentabilidade."

IASFA lança novo concurso para arrendamento de 60 casas de renda económica

IASFA lança novo concurso para arrendamento de 60 casas de renda económica

Prédio recuperado

Conselho de Ministros altera medidas de combate à Covid-19 no âmbito da situação de calamidade

Conselho de Ministros altera medidas de combate à Covid-19 no âmbito da situação de calamidade

Relativamente às escolas - que reabrem a 10 de janeiro - o Primeiro-Ministro disse que deixa de ser necessário o isolamento para os alunos que contactem com caso positivo.

'Em Portugal, há funcionamento da democracia, mas não no Brasil', compara líder do Bloco de Esquerda

'Em Portugal, há funcionamento da democracia, mas não no Brasil', compara líder do Bloco de Esquerda

Prestes a realizar eleições legislativas antecipadas, em 30 de janeiro, Portugal vive um momento crucial na campanha, em que os líderes partidários estão realizando debates televisionados. A Sputnik Brasil fará uma série de entrevistas com as lideranças dos principais partidos

Internações por Covid-19 em Portugal atingem o maior nível em 10 meses

Internações por Covid-19 em Portugal atingem o maior nível em 10 meses

Desde 6 de dezembro, a proporção de casos prováveis de Ômicron tem crescido, disse o relatório, observando que atingiu uma estimativa de 89,6% em 3 de janeiro.

Mudar para Portugal requer um bom planejamento

Mudar para Portugal requer um bom planejamento

Independentemente de qual o número esteja mais próximo da realidade, o que fica claro é a quantidade cada vez maior de brasileiros em busca de novas oportunidades em terras lusitanas