×
ContextoExato

Contexto Exato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 04 de dezembro de 2021

Polícia do Rio investiga assassinato de autor de livro sobre Marielle Franco

Polícia do Rio investiga assassinato de autor de livro sobre Marielle FrancoFoto: Mídia Ninja

Olivero foi velado no cemitério do Catumbi, na zona norte do Rio e depois seu corpo foi enviado para os Estados Unidos

Estadão Conteúdo - 20/10/2021 - 19:12:48

A Polícia Civil do Rio de Janeiro investiga o assassinato do escritor e capoeirista Leuvis Manuel Olivero, de 38 anos, morto no dia 10 de outubro, um domingo, enquanto caminhava pela Tijuca. Os atiradores passaram de carro, dispararam e fugiram sem serem identificados nem roubar nada. A partir de imagens de câmeras de segurança, a Delegacia de Homicídios conseguiu identificar a placa do veículo de onde partiram os tiros.


Olivero era autor de 11 livros, um deles em homenagem a Marielle Franco, vereadora do Rio de Janeiro assassinada em março de 2018. Nascido na República Dominicana, ele tinha cidadania norte-americana e morava no Rio havia cerca de 10 anos. Tinha uma filha de 9 anos e namorava uma brasileira.



Segundo familiares, Olivero tinha acabado de levar a filha à casa dos avós maternos e caminhava pela rua Baltazar Lisboa quando um carro passou e atirou em direção a ele. O escritor foi atingido na cabeça e no abdômen. Bombeiros foram chamados e tentaram socorrê-lo, mas quando chegaram a vítima já estava morta.



Olivero foi velado no cemitério do Catumbi, na zona norte do Rio e depois seu corpo foi enviado para os Estados Unidos, onde moram seus pais e onde ele foi enterrado.



Na última segunda-feira, 18, a Delegacia de Homicídios ouviu depoimentos da namorada de Olivero, do pai dela e da irmã do escritor, que também está no Rio. O computador em que Olivero trabalhava foi levado à polícia para ser submetido a perícia. A família acredita em execução, mas não sabe quem teria motivos para matar o escritor, que segundo os familiares não tinha inimigos no Rio.



fonte: Estadão Conteudo


Comentários para "Polícia do Rio investiga assassinato de autor de livro sobre Marielle Franco":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório
Quarteto feminino bate recorde mundial de natação master na prova do revezamento

Quarteto feminino bate recorde mundial de natação master na prova do revezamento

Time verde e amarelo cravou 8min42s32 no revezamento 4x200 livre

Peng Shuai: China mostra irritação com suspensão de torneios de tênis

Peng Shuai: China mostra irritação com suspensão de torneios de tênis

Relações Exteriores diz ser contra politização do esporte

Justiça do DF condena dono de empresa que cometeu assédio contra funcionária

Justiça do DF condena dono de empresa que cometeu assédio contra funcionária

A defesa do réu argumentou que ele deveria ser absolvido pois não haviam provas para incriminá-lo.

Ações para eliminar violência de gênero reúne atletas e casos reais

Ações para eliminar violência de gênero reúne atletas e casos reais

Uma em cada três mulheres com 15 anos ou mais, cerca de 736 milhões, é submetida algum tipo de violência durante a vida

Ação de agências da ONU pretende empoderar refugiadas venezuelanas

Ação de agências da ONU pretende empoderar refugiadas venezuelanas

Programa ocorre em Roraima e vai até dezembro de 2023

Carta aberta à Miraildes: Uma das maiores jogadoras que o Brasil já viu em campo

Carta aberta à Miraildes: Uma das maiores jogadoras que o Brasil já viu em campo

Miraildes, jogadora de futebol, mais conhecida como Formiga.

Judô: Beatriz Souza fica com o ouro no Grand Slam de Abu Dhabi

Judô: Beatriz Souza fica com o ouro no Grand Slam de Abu Dhabi

Brasileira bate francesa campeã europeia júnior e vai ao topo do pódio

Ketleyn Quadros fica com o bronze no Grand Slam de Abu Dhabi

Ketleyn Quadros fica com o bronze no Grand Slam de Abu Dhabi

Atleta bateu a tcheca Renat Zachova e foi ao pódio nos Emirados Árabes

Professor que perguntou se aluna vai levar lubrificante 'quando for estuprada' é demitido no PA

Professor que perguntou se aluna vai levar lubrificante 'quando for estuprada' é demitido no PA

Movimentos que atuam na defesa dos direitos das mulheres realizaram atos de repúdio, cobrando punição do agressor

Congresso é iluminado de laranja pelo fim da violência contra a mulher

Congresso é iluminado de laranja pelo fim da violência contra a mulher

Campanha 16 dias de ativismo começou nesta quinta-feira

Patrícia Vanzolin: 'Eleição da OAB foi uma quebra de paradigmas'

Patrícia Vanzolin: 'Eleição da OAB foi uma quebra de paradigmas'

Patrícia considera que sua vitória é também do gênero.