×
ContextoExato
Responsive image

Governador determina cancelamento de circular, Policia Militar não obedece, e policiais militares continuam sem atendimento médico

Governador determina cancelamento de circular, Policia Militar não obedece, e policiais militares continuam sem atendimento médicoFoto:

Dayane Agostinho que é filha de policial militar critica governador em sua página no Facebook pela falta de atendimento ao pai

Edson Sombra / Redação / Facebook Dayane Agostinho - 27/11/2013 - 11:14:07

Vídeo de Dayane Agostinho Facebook

Apesar de toda a irritação vivida no dia de ontem, mesmo com a nota divulgada pelo comando geral da corporação, nada do que foi noticiado no final da tarde, aconteceu. ...


Os policiais militares e seus dependentes, continuam sem atendimento médico e não há previsão para retornar.


Ligamos para dez hospitais e clínicas conveniados e a resposta foi a mesma, "não fomos comunicados de nada, e enquanto não formos comunicados oficialmente o atendimento continua suspenso.”

Uma fonte da Policia Militar informou que nenhuma providencia foi tomada para comunicar aos hospitais e clinicas conveniados, e que não sabe quando isso acontecerá.


A circular assinada pelo coronel Sergio Luiz de Souza Cordeiro, foi distribuída segunda (25), e informa que até dia 31 de dezembro, o atendimento estará suspenso e que não está autorizada nenhuma internação, atendimento de urgência e emergência, cirurgias, exames, consultas, ou qualquer outro atendimento médico hospitalar. Continua autorizada só a permanência dos pacientes já internados.


“O nosso expediente só começa depois de meio-dia, pode ser que hoje dê tempo de comunicarmos, mas acho muito difícil, não recebemos nenhuma determinação.” Finalizou.

Comentários para "Governador determina cancelamento de circular, Policia Militar não obedece, e policiais militares continuam sem atendimento médico":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório